Nothingandall

Just another WordPress.com weblog

Taça de Portugal: Porto está nas meias finais Janeiro 28, 2009

Filed under: FC Porto,Leixões,Taça de Portugal — looking4good @ 10:56 pm
Leixões logoFC Porto

1-0

Leixões

Golo logo aos 5′ de Mariano fez o resultado…

O Porto entrou bem no jogo e colocou-se cedo em posição de vencedor por Mariano Gonzales em jogada por ele protagonizada pela estquerda com um cruzamento para o meio da baliza que Lizandro e um defesa do Leixões disputaram para a bola sobrar para Mariano Gonzalez que finalizou vitoriosamente. O mais difícil para o Porto nos jogos em casa (adquirir vantagem) estava conseguido.

O Leixões reagiu à desvantagem, não sabemos como seria o jogo se o 0-0 tivesse permanecido, e portanto qual o plano inicial da equipa de Matosinhos, mas o certo é que o Leixões respondeu no campo todo, evidenciando até em períodos longos da primeira parte maior vantagem territorial sobre o adversário. Nuno foi obrigado a fazer defesa difícil para manter a vantagem.

Na segunda parte o Porto conseguiu controlar melhor o jogo e apesar de um período de assédio do Leixões por volta do segundo quarto de hora da segunda parte com muitos cantos ganhos e outra oportunidade criada num cabeceamento, porém, frouxo, de Zé Manuel que Nuno defendeu, a equipa portista viu uma jogada de insistência bater na barra da baliza de Beto.

Bom jogo e interessante; no regresso de João Ferreira à arbitragem (após ausencia por motivos profissionais fora do país – é militar) não houve casos. Podia ter havido no referido lance que terminou na barra da baliza do Leixões porque foi precedido de uma falta de um avançado portista (não assinalda) que se atirou deliberadamente para cima de um defesa leixonense.

No outro jogo dos quartos de final disputado esta tarde o Paços de Ferreira venceu a Naval 1º. de Maio por 5-3 e por isso também marcará presença nas meias-finais da Taça de Portugal cujo sorteio realiza-se 5ª. feira.

Amanhã joga o Atlético de Valdevez com o Nacional enquanto o V. Guimarães-E. Amadora só se disputa no dia 17 de Fevereiro, pelas 18h45.

Ficha de jogo:
Estádio do Dragão, no Porto
Árbitro João Ferreira, de Setúbal

FC PORTO – Nuno; Fucile, Stepanov, Bruno Alves e Benitez; Lucho, Raul Meireles e Guarin; Mariano (Tomás Costa, 75′), Hulk (Rodriguez, 62′) e Lisandro.

LEIXÕES – Beto; Laranjeiro, Nuno Silva, Elvis e Angulo (Nwoko, 65′); Roberto Sousa, Bruno China e Hugo Morais; José Manuel, Chumbinho e Diogo Valente (Sandro, 80′).

Golos: Mariano Gonzaléz 5′

Acção disciplinar: cartão amarelo a Roberto Sousa, Raul Meireles, Bruno China e Sandro.

 

Benfica eliminado pelo Leixões e At. de Valdevez da II Divisão surpreende Dezembro 14, 2008

Filed under: Futebol,Taça de Portugal — looking4good @ 8:05 pm
O destaque dos oitavos de final vai para o Leixões que no jogo mais importante (entre os dois primeiros classificados da Liga Sagres) eliminou o Benfica após 0-0, mas com desfecho favorável à equipa de Matosinhos na decisão através da marcação de pontapés da marca da grande penalidade. Os leixonenses marcarm todos e Reyes falhou o 5º.

O Cinfães da 3ª.Divisão não sobreviveu naturalmente, frente ao FC Porto ainda que tenha podido chegar ao 1-1 praticamente a meio da 2ª. parte.

Quem sobrevive é o Atlético de Valdevez que derrotou o Santa Clara da Liga Vitalis por 3-1. Foi o único jogo em que uma equipa do escalão inferior derrotou outra hierarquicamente melhor situada, já que o Belenenses foi ganhar a Olhão, o Paços de Ferreira derrotou tranquilamente o Vizela em casa, a Naval derrotou facilmente o Portimonense e o Estrela da Amadora venceu o Olivais e Moscavide por 1-0 ainda que tenha precisado de ir ao prolongamento.

Entre equipas do mesmo escalão para além da eliminação do Benfica, o Nacional foi derrotar o Trofense a casa deste e também o Guimarães fora de casa levou a melhor fente ao Guimararães com um golo único de Flávio Meireles de cabeça.

Oitavos de Final da Taça de Portugal

Resultados
Cinfães 1-4 FC Porto
Naval 1º. de Maio 3-0 Portimonense
Estrela da Amadora 1-0 *
Olivais e Moscavide
Leixões 0-0 (5-4**)
Benfica
Atlético de Valdevez 3-1 Santa Clara
Trofense 2-4 Nacional
Paços de Ferreira 4-1 Vizela
Vitória de Setúbal 0-1 Vitória de Guimarães

* após prolongamento
** após a marcação de grandes penalidades

O Sorteio dos quartos de final realiza-se na próxima quarta-feira, pelas 12h30, na Sede da FPF.

 

Taça de Portugal: Leixões elimina Benfica nos penalties

Filed under: Benfica,Leixões,Taça de Portugal — looking4good @ 12:13 am

Leixões logoBenfica logo

Leixões

0-0 (5-4*)

Benfica

Quem não joga para ganhar arrisca-se a perder…


De novo o Benfica não ganhou contra o Leixões. De novo (terceira vez consecutiva) que o Benfica jogando fora na Taça de Portugal é eliminado.

Benfica avisado do poderio do Leixões, terá tido excesso de avisos e não assumiu claramente o favoritismo que a uma equipa cheia de crakes (Luisão, Reyes, Suazo, Aimar e com Cardozo, Nuno Gomes no banco!) tinha de ter perante uma equipa que na época passada estava na II Liga.

Na primeira parte foi até a equipa de Matosinhos que demonstrou mais perigo e teve ligeira superioridade. Na segunda o Benfica respondeu mas nem nos livres as equipas criaram situações eminentes de golo. A 2 minutos do final Nuno Gomes teve nos pés o golo do triunfo mas demorou tanto a rematar que o máximo que conseguiu foi uma situação de confusão na área dos locais, mas em que existiu penalty de Vasco Fernandes .

No prolongamento o Benfica parecia mais afoito na primeira parte mas na segunda as equipas já só esperavam pelos penalties.

Um jogo em que cada guarda-redes só fez uma defesa digna desse nome só poderia terminar zero a zero. Mas se ao Leixões esta estratégia é compreensível ao Benfica equipa e clube de outros recursos e dimensão competia-lhe não adiar a solução para os penalties e assumir mais a responsabilidade de lutar pela vitória. Porém com Aimar e Suazo em sub-rendimento demoraram as substituições no Benfica.

Nos penalties foram os leixonenses a sair a marcar e a verdade é que marcaram sempre. O Benfica respondeu até ao quinto e decisivo penalty mas aí um dos taois craques Reyes viu o remate ser defendido por Beto.

Benquerença voltou a ser o árbitro do jogo (como havia sido na Liga) e não mostrou isenção. De novo voltou a prejudicar os encarnados de Lisboa, em algumas faltas e no critério disciplinar, (faltas sobre Katsoutranis, David Luís e Reyes eram merecedoras de amarelo, mas a exibição do cartão foi quase sempre para os encarnados: cinco vezes) e num penalty segundos antes do fim do tempo regulamentar, que não assinalou.

Caminho aberto para o Porto vencer a Taça de Portugal, enquanto o Benfica dá uma no cravo e outra na ferradura. Continua a demonstrar falta de meio-campo ofensivo, ainda que a defesa e meio-campo defensivo tenha estabilizado. De fora da Taça Uefa (e vendo os rivais Porto e Sporting apurados na Champions) e agora da Taça de Portugal, parece que esta época está a aproximar-se de mais uma grande desilusão para os benfiquistas.

Ficha do jogo:

TAÇA DE PORTUGAL – 5.ª eliminatória

LEIXÕES-BENFICA
Estádio do Mar, Matosinhos
Árbitro: Olegário Benquerença (Leiria)
Hora: 20:45

LEIXÕES: Beto; Vasco Fernandes, Joel (Sandro 105′), Élvis e Laranjeiro; Roberto Sousa, Bruno China e Hugo Morais; Braga (Chumbinho 97′), Wesley e Diogo Valente (Zé Manuel 73′)

Suplentes: Berger, Sandro, Chumbinho, Serginho Baiano, Zé Manuel, Castanheira e Marques

Treinador: José Mota

BENFICA: Moretto; Maxi Pereira, Luisão, Sidnei e David Luiz; Binya, Katsouranis, Ruben Amorim (Balboa 64′) e Reyes; Aimar (Nuno Gomes 69′) e Suazo (Cardozo 109′)

Suplentes: Moreira, Miguel Vítor, Yebda, Balboa, Urreta, Nuno Gomes e Cardozo

Treinador: Quique Flores

Golos: Nada a registar

Decisão dos penalties: 1-0 Wesley, 1-1 Cardozo, 2-1 Zé Manuel, 2-2 Katsouranis, 3-2 Hugo Morais, 3-3, Nuno Gomes, 4-3, Laranjeiro, 4-4 David Luiz, 5-4 Chumbinho e no último penalty de Reyes, Beto defendeu.

Disciplina: 45’+1 – Cartão amarelo para David Luiz por derrube de Vasco Fernandes
54′ – Élvis vê o cartão amarelo depois da falta sobre David Suazo.
66′ – Cartão amarelo para Binya por falta sobre Wesley.
89′ – Cartão amarelo a Reyes por protestos.
103′ – Cartão amarelo para Sidney por protestos.
113′ – Cartão amarelo para Nuno Gomes, na formação da barreira defensiva aquando da marcação de um livre frontal.

(*) nos penalties

 

Benfica passa à 5ª. eliminatória da Taça Novembro 10, 2008

Filed under: Benfica,Taça de Portugal — looking4good @ 10:37 pm
Aves logoBenfica logo Benfica

3-0

Desp. Aves

Golo cedo tudo facilitou…

Quique Flores depois do susto passado com o Penafiel não facilitou e poucas alterações fez no onze. Moreira na baliza, Léo a lateral esquerdo (em vez de Jorge Ribeiro) e Bynia (em vez de Karagounis), os restantes elementos fazem parte dos titulares ianda que dentro de uma certa rotação do plantel.

As esperanças do Aves de complicar a vida dos encarnados (hoje a jogarem de camisola branca) esfumaram-se cedo porque ainda antes de completados três minutos o Benfica inaugurou o marcador. Canto da esquerda de Carlos Martins a bola baixou rapidamente mas Yebda de cabeça foi lá levantá-la fazendo sobtrevoar a cabeça de um jogador do Desp. das Aves postado junto do poste.

O Benfica trocava a bola demonstrava muita facilidade a entrar na defesa ddo Aves face à ausencia de pressão do meio-campo e o 2-0 surgiu também de cabeça na sequência de um livre também marcado por Carlos Martins. Tudo resolvido. Aimar de calcanhar, um pouco por acaso, isolou Maxi Pereira que entrou bem para fazer o 3-0. Então mal se imaginaria que seria o último golo do encontro.

O Desp. das Aves rectificou algumas coisas ao intervalo e na segunda parte deu boa réplica, estando perto de fazer o 3-1. O Benfica nesta segunda parte voltou a demonstrar falta de articulação, muitos passes errados e fracas exibições dos suplentes entrados (Urreta e Balboa), com a excepção a ser de David Luís que procurou até integrar-se em jogadas ofensivas demonstrando vontade. Cardozo esteve bastante mal nas finalizações e apenas Aimar parecia nas (poucas) vezes em jogo de outra galáxia.

A arbitragem de Elmano Santos num jogo tão fácil teve ainda assim vários erros: amarelos em excesso e falta de rigor na aplicação da lei da vantagem, mas não houve lances polémicos.

Na próxima sexta-feira realiza-se o sorteio da 5ª. eliminatória onde também estará o nacional que, em casa, derrotou o Braga por 1-0.

Estádio da Luz, em Lisboa

Árbitro: Elmano Santos (AF Madeira)

BENFICA – Moreira; Maxi Pereira, Luisão, Sidnei (David Luiz, 67 m) e Léo; Carlos Martins (Balboa, 72 m), Yebda, Binya e Aimar; Suazo (Urreta, 58 m) e Cardozo.

DESP. AVES – Rui Faria; Nuno Mendes, Sérgio Carvalho (Rui Miguel, 46 m), Sérgio Nunes e Pedro Geraldo (Leandro, 46 m); Vinicius; Romeu Ribeiro, Gouveia e Ruben Lima; Sami (Romeu Torres, 71 m) e Robert.

Golos: 1-0, Yebda (3 m); 2-0, Luisão (19 m); 3-0, Maxi Pereira (30 m).

Cartão amarelo a Sérgio Carvalho, Sani, Gouveia, Suazo e Leandro.

 

Benfica passa à 5ª. eliminatória da Taça

Filed under: Benfica,Taça de Portugal — looking4good @ 10:37 pm
Aves logoBenfica logo Benfica

3-0

Desp. Aves

Golo cedo tudo facilitou…

Quique Flores depois do susto passado com o Penafiel não facilitou e poucas alterações fez no onze. Moreira na baliza, Léo a lateral esquerdo (em vez de Jorge Ribeiro) e Bynia (em vez de Karagounis), os restantes elementos fazem parte dos titulares ianda que dentro de uma certa rotação do plantel.

As esperanças do Aves de complicar a vida dos encarnados (hoje a jogarem de camisola branca) esfumaram-se cedo porque ainda antes de completados três minutos o Benfica inaugurou o marcador. Canto da esquerda de Carlos Martins a bola baixou rapidamente mas Yebda de cabeça foi lá levantá-la fazendo sobtrevoar a cabeça de um jogador do Desp. das Aves postado junto do poste.

O Benfica trocava a bola demonstrava muita facilidade a entrar na defesa ddo Aves face à ausencia de pressão do meio-campo e o 2-0 surgiu também de cabeça na sequência de um livre também marcado por Carlos Martins. Tudo resolvido. Aimar de calcanhar, um pouco por acaso, isolou Maxi Pereira que entrou bem para fazer o 3-0. Então mal se imaginaria que seria o último golo do encontro.

O Desp. das Aves rectificou algumas coisas ao intervalo e na segunda parte deu boa réplica, estando perto de fazer o 3-1. O Benfica nesta segunda parte voltou a demonstrar falta de articulação, muitos passes errados e fracas exibições dos suplentes entrados (Urreta e Balboa), com a excepção a ser de David Luís que procurou até integrar-se em jogadas ofensivas demonstrando vontade. Cardozo esteve bastante mal nas finalizações e apenas Aimar parecia nas (poucas) vezes em jogo de outra galáxia.

A arbitragem de Elmano Santos num jogo tão fácil teve ainda assim vários erros: amarelos em excesso e falta de rigor na aplicação da lei da vantagem, mas não houve lances polémicos.

Na próxima sexta-feira realiza-se o sorteio da 5ª. eliminatória onde também estará o nacional que, em casa, derrotou o Braga por 1-0.

Estádio da Luz, em Lisboa

Árbitro: Elmano Santos (AF Madeira)

BENFICA – Moreira; Maxi Pereira, Luisão, Sidnei (David Luiz, 67 m) e Léo; Carlos Martins (Balboa, 72 m), Yebda, Binya e Aimar; Suazo (Urreta, 58 m) e Cardozo.

DESP. AVES – Rui Faria; Nuno Mendes, Sérgio Carvalho (Rui Miguel, 46 m), Sérgio Nunes e Pedro Geraldo (Leandro, 46 m); Vinicius; Romeu Ribeiro, Gouveia e Ruben Lima; Sami (Romeu Torres, 71 m) e Robert.

Golos: 1-0, Yebda (3 m); 2-0, Luisão (19 m); 3-0, Maxi Pereira (30 m).

Cartão amarelo a Sérgio Carvalho, Sani, Gouveia, Suazo e Leandro.

 

Taça de Portugal- 4ª. Eliminatória: Porto elimina Sporting nos penalties Novembro 9, 2008

Filed under: Futebol,Taça de Portugal — looking4good @ 11:52 pm
A 4ª. eliminatória da Taça de Portugal teve como grande cartaz o Sporting- Porto em Alvalade. Os «leões» fizeram uma grande primeira parte e venciam ao intervalo por 1-0 mas o Porto melhorou na segunda com Hulk em evidência a fazer o empate. O jogo teve expulsões (Caneira no Sporting e Pedro Emanuel e Hulk no Porto), lances polémicos, prolongamento e penalties. Nesta decisão mais uma vez o Sporting falhou (Rochembach e Abel permitiram defesa de Helton enquanto no Porto Lucho atirou à barra).

O FC Porto que esteve À beira do abismo com três derrotas consecutivas sai dum ciclo terrível com duas vitórias em Kiev e agora a eliminação do Sporting.

Nos outros jogos houve resistência de algumas equipas de escalão inferior frente a equipas do campeonato maior: Arouca foi a penalties com o Paços de Ferreira, Santana obrigou Leixões em casa deste a prolongamento, mas as equipas primodivisionárias acabaram vencendo.

Porém, Olivais e Moscavide da 2ª. B eliminou Beira Mar da Liga Vitalis, Atletico de Valdevez também da segunda B eliminou o Gil Vicente da Liga Vitalis e destaque ainda para o Cinfães da 3ª. Divisão que afastou o Fátima da segunda B.

Entre os confrontos das equipas da Liga Sagres para além da vitória do Porto nos penalties frente ao sporting o Estrela da Amadora (mesmo sem os jogadores receberem ordenados) foi eliminar a Académica a Coimbra enquanto o Naval derrotou o Belenenses no prolongamento depois de ter permitido a recuperação de dois golos por parte dos homens do Restelo.

Amanhã joga-se o Nacional-Braga e o Benfica-Desp. das Aves.

Resultados da 4ª. Eliminatória
8 Nov. Boavista 0-2 Vitória de Guimarães
9 Nov. Vizela 3-1 Esmoriz
9 Nov. Atlético Valdevez 1-0 Gil Vicente
9 Nov. Olivais e Moscavide 2-0 Beira Mar
9 Nov. Peniche 1-2*** Torre de Moncorvo
9 Nov. Arouca 1-3** Paços de Ferreira
9 Nov. Gondomar 0-2 Trofense
9 Nov. Leixões 3-0* Santana
9 Nov. Cinfães 1-0 Fátima
9 Nov. Académica 0-1 Estrela da Amadora
9 Nov. Portimonense 3-0 Varzim
9 Nov. Naval 1º. de Maio 3-2* Belenenses
9 Nov. Sporting 4-5** FC Porto
10 Nov. Nacional Sp. de Braga
10 Nov. Benfica Desportivo das Aves

* após prolongamento
** após grandes penalidades
*** Jogo da 3ª. eliminatória. O Moncorvo vencedor joga com o Vitória de Setúbal

 

Taça de Portugal- 4ª. Eliminatória: Porto elimina Sporting nos penalties

Filed under: Futebol,Taça de Portugal — looking4good @ 11:52 pm
A 4ª. eliminatória da Taça de Portugal teve como grande cartaz o Sporting- Porto em Alvalade. Os «leões» fizeram uma grande primeira parte e venciam ao intervalo por 1-0 mas o Porto melhorou na segunda com Hulk em evidência a fazer o empate. O jogo teve expulsões (Caneira no Sporting e Pedro Emanuel e Hulk no Porto), lances polémicos, prolongamento e penalties. Nesta decisão mais uma vez o Sporting falhou (Rochembach e Abel permitiram defesa de Helton enquanto no Porto Lucho atirou à barra).

O FC Porto que esteve À beira do abismo com três derrotas consecutivas sai dum ciclo terrível com duas vitórias em Kiev e agora a eliminação do Sporting.

Nos outros jogos houve resistência de algumas equipas de escalão inferior frente a equipas do campeonato maior: Arouca foi a penalties com o Paços de Ferreira, Santana obrigou Leixões em casa deste a prolongamento, mas as equipas primodivisionárias acabaram vencendo.

Porém, Olivais e Moscavide da 2ª. B eliminou Beira Mar da Liga Vitalis, Atletico de Valdevez também da segunda B eliminou o Gil Vicente da Liga Vitalis e destaque ainda para o Cinfães da 3ª. Divisão que afastou o Fátima da segunda B.

Entre os confrontos das equipas da Liga Sagres para além da vitória do Porto nos penalties frente ao sporting o Estrela da Amadora (mesmo sem os jogadores receberem ordenados) foi eliminar a Académica a Coimbra enquanto o Naval derrotou o Belenenses no prolongamento depois de ter permitido a recuperação de dois golos por parte dos homens do Restelo.

Amanhã joga-se o Nacional-Braga e o Benfica-Desp. das Aves.

Resultados da 4ª. Eliminatória
8 Nov. Boavista 0-2 Vitória de Guimarães
9 Nov. Vizela 3-1 Esmoriz
9 Nov. Atlético Valdevez 1-0 Gil Vicente
9 Nov. Olivais e Moscavide 2-0 Beira Mar
9 Nov. Peniche 1-2*** Torre de Moncorvo
9 Nov. Arouca 1-3** Paços de Ferreira
9 Nov. Gondomar 0-2 Trofense
9 Nov. Leixões 3-0* Santana
9 Nov. Cinfães 1-0 Fátima
9 Nov. Académica 0-1 Estrela da Amadora
9 Nov. Portimonense 3-0 Varzim
9 Nov. Naval 1º. de Maio 3-2* Belenenses
9 Nov. Sporting 4-5** FC Porto
10 Nov. Nacional Sp. de Braga
10 Nov. Benfica Desportivo das Aves

* após prolongamento
** após grandes penalidades
*** Jogo da 3ª. eliminatória. O Moncorvo vencedor joga com o Vitória de Setúbal

 

Taça de Portugal: Arouca eliminou o Marítimo e o Penafiel fez vida negra ao Benfica Outubro 19, 2008

Filed under: Futebol,Taça de Portugal — looking4good @ 4:20 pm
O destaque da 3ª eliminatória da Taça de Portugal vai direitinho para o FC Arouca que eliminou o Marítimo na decisão por grandes penalidades depois de 0-0 até ao final do prolongamento.

Idêntica proeza esteve o Penafiel prestes a realizar na Luz empatando 0-0 mesmo após prolongamento, mas falhando na decisão das grandes penalidades favoráveis ao clube da Luz.

Resultados da 3ª. Eliminatória
18 Out. Boavista de S. Mateus 0-1 Naval 1º. de Maio
18 Out. Estrela da Amadora 2-0 Operário
18 Out Nacional 4-0 Angrense
18 Out. Sertanense 0-4 FC Porto
18 Out. Aliados 0-1 Trofense
18 Out. União de Leiria 0-1 Sporting
19 Out. Esmoriz 4-3* Maria da Fonte
19 Out. Fabril Barreiro 0-1 Olivais e Moscavide
19 Out. Olhanense 1-4** At. de Valdevez
19 Out. Vizela 3-0 Estoril Praia
19 Out. Amares 0-3 Belenenses
19 Out. Arouca 4-2** Marítimo
19 Out. Desp. Aves 6-0 Gândara
19 Out. Beira Mar 3-0 At. de Reguengos
19 Out. Boavista 1-0 Lousada
19 Out. Sporting da Covilhã 1-2* Varzim
19 Out. Leixões 4-1* Caniçal
19 Out. Paredes 1-2 Cinfães
19 Out Portimonense 2-1 Pinhalnovense
19 Out. Sanjoanense 4-5 ** Gondomar
19 Out. Santana 1-0 Odivelas
19 Out. Torreense 0-2 Académica
19 Out. União da Madeira 2-1 Camacha
19 Out. Vitória de Setúbal 1-0 Ribeirão
19 Out. Fátima 4-1** Feirense
19 Out. Vitória de Guimarães 4-2 União deLamas
19 Out. Paços de Ferreira 3-0 Rebordosa
19 Out. Gil Vicente 3-2* Rio Ave
19 Out. Desp. Chaves 0-1 Sporting de Braga
19 Out. Benfica 5-3** Penafiel
Sta Clara-Lusitano/Fiães Freamunde
Peniche/Fafe-Sourense Moncorvo

* após prolongamento
** após grandes penalidades

No entanto, o Marítimo não foi a única equipa da Liga Sagres (1ª. Divisão) a ser eliminada da Taça de Portugal. O Rio Ave que se deslocou a Barcelos foi derrotado no prolongamento pelo Gil-Vicente por 3-2 após 2-2 no final do tempo regular do jogo.

Grande sensação fez também o Penafiel que ameaçou por várias vezes eliminar o Benfica na Luz. Os últimos minutos do tempo regular foram um sufoco para os encarnados. No prolongamento os homens de Penafiel resistiram mas uma defesa de Moreira ao remate de Dias deu o triunfo aos encarnados no desempate por remates da marca de grande penalidade.

O Caniçal também da 2ª. divisão causou ainda sensação ao empatar 1-1 nos 90 minutos do jogo do Estádio do Mar (resultado igual ao que o Benfica lá obteve) mas caiu no prolongamento ao perder por 4-1 com o Leixões.

O Sporting de Braga já pertinho do final conseguiu através de um penalty polémico o golo do triunfo em Chaves.

No Sporting Liedson esteve de volta aos golos em Leiria e foi o marcador do único golo do jogo, enquanto antes à tarde já o Porto repetira o 4-0 da época passada frente ao Sertanense, com Tarik e Farias em destaque.

 

Taça de Portugal: Arouca eliminou o Marítimo e o Penafiel fez vida negra ao Benfica

Filed under: Futebol,Taça de Portugal — looking4good @ 4:20 pm
O destaque da 3ª eliminatória da Taça de Portugal vai direitinho para o FC Arouca que eliminou o Marítimo na decisão por grandes penalidades depois de 0-0 até ao final do prolongamento.

Idêntica proeza esteve o Penafiel prestes a realizar na Luz empatando 0-0 mesmo após prolongamento, mas falhando na decisão das grandes penalidades favoráveis ao clube da Luz.

Resultados da 3ª. Eliminatória
18 Out. Boavista de S. Mateus 0-1 Naval 1º. de Maio
18 Out. Estrela da Amadora 2-0 Operário
18 Out Nacional 4-0 Angrense
18 Out. Sertanense 0-4 FC Porto
18 Out. Aliados 0-1 Trofense
18 Out. União de Leiria 0-1 Sporting
19 Out. Esmoriz 4-3* Maria da Fonte
19 Out. Fabril Barreiro 0-1 Olivais e Moscavide
19 Out. Olhanense 1-4** At. de Valdevez
19 Out. Vizela 3-0 Estoril Praia
19 Out. Amares 0-3 Belenenses
19 Out. Arouca 4-2** Marítimo
19 Out. Desp. Aves 6-0 Gândara
19 Out. Beira Mar 3-0 At. de Reguengos
19 Out. Boavista 1-0 Lousada
19 Out. Sporting da Covilhã 1-2* Varzim
19 Out. Leixões 4-1* Caniçal
19 Out. Paredes 1-2 Cinfães
19 Out Portimonense 2-1 Pinhalnovense
19 Out. Sanjoanense 4-5 ** Gondomar
19 Out. Santana 1-0 Odivelas
19 Out. Torreense 0-2 Académica
19 Out. União da Madeira 2-1 Camacha
19 Out. Vitória de Setúbal 1-0 Ribeirão
19 Out. Fátima 4-1** Feirense
19 Out. Vitória de Guimarães 4-2 União deLamas
19 Out. Paços de Ferreira 3-0 Rebordosa
19 Out. Gil Vicente 3-2* Rio Ave
19 Out. Desp. Chaves 0-1 Sporting de Braga
19 Out. Benfica 5-3** Penafiel
Sta Clara-Lusitano/Fiães Freamunde
Peniche/Fafe-Sourense Moncorvo

* após prolongamento
** após grandes penalidades

No entanto, o Marítimo não foi a única equipa da Liga Sagres (1ª. Divisão) a ser eliminada da Taça de Portugal. O Rio Ave que se deslocou a Barcelos foi derrotado no prolongamento pelo Gil-Vicente por 3-2 após 2-2 no final do tempo regular do jogo.

Grande sensação fez também o Penafiel que ameaçou por várias vezes eliminar o Benfica na Luz. Os últimos minutos do tempo regular foram um sufoco para os encarnados. No prolongamento os homens de Penafiel resistiram mas uma defesa de Moreira ao remate de Dias deu o triunfo aos encarnados no desempate por remates da marca de grande penalidade.

O Caniçal também da 2ª. divisão causou ainda sensação ao empatar 1-1 nos 90 minutos do jogo do Estádio do Mar (resultado igual ao que o Benfica lá obteve) mas caiu no prolongamento ao perder por 4-1 com o Leixões.

O Sporting de Braga já pertinho do final conseguiu através de um penalty polémico o golo do triunfo em Chaves.

No Sporting Liedson esteve de volta aos golos em Leiria e foi o marcador do único golo do jogo, enquanto antes à tarde já o Porto repetira o 4-0 da época passada frente ao Sertanense, com Tarik e Farias em destaque.

 

Tiuí entra e a Taça tá aí : Sporting vence Porto no prolongamento Maio 18, 2008

Filed under: FC Porto,Sporting,Taça de Portugal — looking4good @ 7:17 pm

O Sporting venceu pela 15ª. vez o troféu da Taça de Portugal evitando que o seu adversário desta final o igualasse em número de títulos, porque continua a coleccionar 13.

Nos primeiros vinte minutos a superioridade leonina foi evidente e Derlei por tres vezes teve oportunidades de marcar mas Nuno com excelentes defesas contrariou-o.

A ausência de Bosingwa na defesa com a adaptação de João Paulo tirou ao meio-campo portista a capacidade do costume com Lucho manietado e um Quaresma muito pouco em jogo.

A partir dos 20′ o Porto passou a equilibrar o jogo e dispôs aos 35′ após iniciativa desiquilibrante pelo meio de Mariano Gonzalez, Lizandro isolou-se mas não conseguiu evitar a defesa de Rui Patrício.

Aos 40′ a bola entrou na baliza de Nuno num remate de Romagnoli mas o assistente assinalou fora de jogo num lance «fronteira» de difícil juízo.

Na segunda parte o jogo decorreu em tom equilibrado mas praticamente sem oportunidades de golo. Já depois de Quaresma ter atingido João Moutinho com o braço deu-se um dos momentos fulcrais do jogo. Após jogada de ataque do Porto com confusão na área e os portistas a pedirem penalty o Sporting saía para o ataque e João Paulo a pés juntos e impulsivamente atingou João Moutinho vendo o cartão vermelho directo.

Este lance obrigou à entrada de Lino saindo Mariano mas uniu os jogadores portistas, com Raul Meireles a evidenciar grande trabalho, tendo jogo decorrido equilibrado, não manifestando o Sporting superioridade que justificasse a vantagem no marcador.

No prolongamento Benquerença apareceu descontrolado. Mostrou aos 95′ um cartão amarelo a Raul Meireles por suposta simulação quando na realidade fora tocado por Tonel na cara e aos 97′ estava a assinalar o final do primeiro tempo do prolongamento queixando-ser mais tarde do relógio …

Logo a seguir Quaresma teve a melhor (única?) jogada flectiu para o centro e rematou forte mas ligeiramente por cima.

Ficou por saber se o «cebola» era o relógio … porque, pouco depois numa incursão perigosa Polga entrou sobre Lizandro no limite da área, o árbitro aproximou-se do lance e quando toda a gente pensava que marcava a falta (e amarelo para Polga) deixou passar a jogada sem sanção.

O pior para o árbitro é que o Sporting na jogada seguinte fez golo. Tiuí de ângulo dificil tenta o remate a bola bate no braço de Pedro Emanuel no chão, sobe, bate na barra e deposita-se dentro da baliza de Nuno dando vantagem à equipa leonina.

A partir daí Jesualdo fez entrar Sektoui, a defesa do Sporting com hesitações ainda pareceu pôr a vtória em jogo mas Tiuí já em cima da hora voltou a marcar em pontapé de bicicleta dando um triunfo justo à equipa lisboeta, no conjunto global do jogo.

Arbitragem fraca de Benquerença.

Ficha de jogo:

Estádio Nacional, no Jamor

Árbitro: Olegário Benquerença (AF Leiria)

Sporting: Rui Patrício; Abel (Tiuí, 91m), Tonel, Polga e Grimi; Miguel Veloso, João Moutinho, Izmailov (Pereirinha, 75m) e Romagnoli; Derlei (Gladstone, 118m) e Yannick.

FC Porto: Nuno; João Paulo, Bruno Alves, Pedro Emanuel e Fucile; Lucho, Paulo Assunção (Tarik, 112m) e Raúl Meireles (Kazmierczak, 103m); Mariano González (Lino, 78m) Quaresma e Lisandro.

Golos: Tiuí (110 e 116m)

Disciplina: Cartões amarelos para: Paulo Assunção (35m), Abel (53m), Raúl Meireles (95m), Derlei (100m) e Lucho (113m). Cartão vermelho para: João Paulo (71m)