Nothingandall

Just another WordPress.com weblog

Flor Silvestre – Batista de Cepelos Maio 8, 2009

Filed under: Batista Cepelos,poesia — looking4good @ 1:20 am

Pobre de quem? Pobre de ti, não dela:
Para que seja cobiçada e rica,
De nada mais precisa, além daquela
Inocência do céu, que a santifica…

Não tem brasões de nascimento. É bela,
De uma beleza que tão bem lhe fica!
E, sertaneja rústica e singela,
Vive junto dos pais, terna e pudica.

Passarinha entre as aves, e, travessa,
Parece uma visão da Primavera,
Quando envolve de flores a cabeça!

E, as suas mãos, que nada têm de rudes,
São as chavinhas de ouro (quem mas dera!)
De um coração repleto de virtudes!

Manuel Batista Cepelos (Cotia, São Paulo, em 10 de Dezembro de 1872 — m. Rio de Janeiro, 8 de maio de 1915)

Ler do mesmo autor, neste blog: Resignação; À Espera; A Um Sonetista; Nas Ondas de Uns Cabelos

 

One Response to “Flor Silvestre – Batista de Cepelos”

  1. Baptista Cepellos era irmão do meu avô. Sou sobrinha neta dele e tenho uma irmã.Somos as unicas descendentes dele pelo que sabemos. Sou artista plástica e estou começando um trabalho de arte com as obras dele. tenho um site: http://www.toteespacocultural.com.br.


Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s