Nothingandall

Just another WordPress.com weblog

Uefa Cup: Braga avança na Europa do futebol Fevereiro 18, 2009

Filed under: Braga,Futebol,Taça Uefa,Uefa Cup — looking4good @ 10:43 pm

Standard Liege logoSp. Braga logoBraga

3-0

Standard Liege

Braga forte demais para o Campeão belga

No dia em que passa o 50º. aniversário sobre a morte de Gago Coutinho um pioneiro da aviação, o Sporting de Braga voou alto na Europa do futebol e ganhou um avanço que consideramos decisivo para atingir os oitavos de final da Taça Uefa onde encontrará o vencedor da eliminatória entre o PSG e o Wolfsburg.

A equipa do Braga que podia ter inaugurado o marcador logo aos 3′ marcou por duas vezes no segundo quarto de hora da primeira parte com Renteria a ter papel decisivo em ambos os golos. No primeiro a ser o autor do remate cruzado de fora da área em vólei ao minuto 16′, o segundo na sequência de um livre estudado com o avançado bracarense a assistir André Lone em posição frontal para fuzilar Espinoza. É certo que o Standard perdeu logo aos 10′ o seu capitão de equipa, Steven Defour, que saiu lesionado, mas a superioridade bracarense na primeira parte foi por mais ebidente com trocas de bola bem a propósito. Os belgas num passe em desmarcação para o rápido Mbokani também poderia ter dado um golo para os belgas mas aí com o lance dividido com Eduardo o avançado da equipa visitante preferiu simular o penalty e levou o cartão amarelo.

Na segunda parte o jogo perdeu qualidade. O Braga indeciso primeiro e decidido depois em segurar o 2-0 em vez de tentar aumentar o score e poder correr o risco de sofrer o 2-1 perdeu fluência de jogo, ouvindo-se a meio da segunda parte o treinador a gritar para o campo «a equipa não joga»! Verdade se diga que os belgas também pouco faziam para inverter o rumo das coisas, provavelmente com a convicção de que o 2-0 poderia ser resultado invertível na segunda mão.

Porém aos 84′ o Estádio Axa explodiu de alegria após uma excelente jogada do Braga que ganhou a bola na intermediária ofensiva e conduziu o lance com várias alternativas de finalização perante a equipa belga apanhada em contrra-pé. Alan com um colega à direirta preferiu dar para o meio directo em direcção da baliza para a dresmarcação de Luís Carlos que finalizou face ao desamparado guarda-redes Espinoza. A partir daí os ulritmos minutos de jogo voltaram a ser do Braga perante a queda psicológica dos adversários e o 4-0 esteve mais perto então do que o 3-1.

O Braga, tudo o indica, manter-se-á em prova enquanto a equipa treinada por Bolloni, onde apenas se destacou positivamente Dalmat, tem 90 minutos pela frente antes de se dedicar exclusivamente às lides internas onde disputa com o Anderlecht a discussão do título.

A arbitragem do árbitro cipriota Kapitanis, que nos primeiros minutos inspirou alguma desconfiança, acabou por se situar em bom plano num jogo em que não existiram casos e em que o árbitro não os inventou.

Estádio AXA em Braga; Início às 20:45
Árbitro: Costas Kapitanis (Chipre)

Sp. Braga – Eduardo; João Pereira, Frechaut, André Leone e Evaldo; Vandinho; Alan (Stélvio, 88m), Luís Aguiar e César Peixoto (Orlando Sá, 80m); Meyong (Matheus, 68m) e Renteria.

Standard – Espinoza; Marcos Camozzato, Oniewu, Mikulic e Mangala (Mulemo, 64m); Wilfried Dalmat, Steven Defour (Ni Caise, 10m), Alex Witsel e Jovanovic (Benteke, 88m); Mbokani e De Camargo.

Golos: 1-0, Renteria (17m); Leone (26m); Luís Aguiar (84m)
Acção disciplinar: Cartão amarelo a Mbokani, Vandinho, César Peixoto, Ni Caise

 

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s