Nothingandall

Just another WordPress.com weblog

Penalty fantasma mantém Porto na liderança enquanto Sporting perde em casa com o Braga Fevereiro 8, 2009

Filed under: Futebol,Liga Sagres — looking4good @ 11:22 pm

Resultados da 17ª. Jornada
06 Fev. 20:30 Leixões 2-0 Trofense
07 Fev. 16:00 Estrela da Amadora 0-0 Vitória de Setúbal
07 Fev. 19:00 Vitória de Guimarães 2-1 Marítimo
06 Fev. 16:00 Rio Ave 1-0 Académica
08 Fev. 16:00 Naval 1º. de Maio 0-4 Nacional
08 Fev. 19:00 Sporting 2-3 Braga
08 Fev. 19:45 FC Porto 1-1 Benfica
09 Fev. 19:45 Paços de Ferreira Belenenses

Comentários: Com um clássico no Porto entre os dois primeiros clssificados é natural que esse jogo concentre as atenções da jornada. O empate deixou todos desconsolados, os portistas porque tinham a hopótese de avançarem decisivamente na direcção do título, os benfiquistas porque mais uma vez ficaram com a sensação de terem sido «roubados». Pedro Proença inventou o penalty que deu o empate aos portistas e salvou o Porto de uma derrota provável que deixaria o Benfica em primeiro com dois pontos de avanço e vantagem sobre os portistas em termos de desempate.

O Sporting perdeu em Alvalade frente ao Braga por 3-2. Os bracarenses estiveram sempre em avanço no marcador. A equipa da casa chegou ao empate 1-1, mas os bracarenses ficaram de novo por cima. Sentiu-se a orfandade da equipa sem Liedson e com o anúncio público de que o Presidente não se recandidata e que Paulo Bento não renova, a equipa leonina parece menos forte na candidatura ao título. Mas brevemente joga com o Benfica e ainda jogará com o Porto; esses dois jogos serão decisivos.

Na abertura da jornada o Leixões voltou aos triunfos com dois golos de Chumbinho e grande colaboração de Paulo Lopes, guarda-redes do Trofense que estivera tão bem nos jogos contra os grandes. O Nacional foi «pregar» 4 golos sem resposta à Figueira da Foz e voltou a ganhar avanço ao rival Marítimo derrotado em Guimarães por 2-1. A equipa vimaranense vai subindo na classificação e não é estranha à melhoria a entrada de Nuno Assis na equipa.

Entre aflitos o Setúbal ficou contente com o nulo obtido na Amadora e o Rio Ave conseguiu vencer a Académica e igualar os setubalenses e o Trofense. Este trio tem 13 pontos. A Naval é 10º. e só tem seis pontos de vantagem. Por isso vão haver muitas aflições ainda … Amanhã completa-se a jornada com o Belenenses a deslocar-se a Paços de Ferreira.

Na próxima jornada há dois jogos muito importantes na luta pela permanência: Setúbal-Académica e Trofense-Naval. O Rio Ave vai ao Dragão enquanto o Benfica recebe o Paços de Ferreira e o Sporting joga no Restelo.

Deixo uma curiosidade será que Pedro Proença vai para a jarra… ou ainda vem por aí mais algum castigo a algum jogador do Benfica, por dizer que não houve penalty?

Classificação
Lugar Clube Pontos Golos
1. FC Porto 35 30-13
2. Benfica 34 27-13
3. Leixões 31 19-12
3. Sporting 31 21-11
5. Braga 29 18-11
5. Nacional 29 27-19
7. Marítimo 26 19-16
8. Vit. de Guimarães 24 19-18
9. Estrela da Amadora 21 14-20
10. Naval 1º. de Maio 19 14-20
11. Académica 18 12-17
12. Paços de Ferreira 15 20-28
12. Belenenses 14 13-25
14. Trofense 13 13-23
15. Vitória de Setúbal 13 9-22
16. Rio Ave 13 11-20

Próxima Jornada – 18ª.
13 Fev. 20:30 Nacional Vitória de Guimarães
14 Fev. 16:00 Marítimo Estrela da Amadora
14 Fev. 16:00 Braga Leixões
14 Fev. 20:30 Belenenses Sporting
15 Fev. 16:00 Trofense Naval 1º. de Maio
15 Fev. 16:00 FC Porto Rio Ave
15 Fev. 20:45 Benfica Paços de Ferreira
16 Fev. 19:45 Vitória de Setúbal Académica

 

O Benfica empatou no Dragão e só não ganhou porque o árbitro não deixou…

Filed under: arbitragem,Benfica,FC Porto,Futebol,Liga Sagres — looking4good @ 9:27 pm

FC Porto logoBenfica logo

FC Porto

1-1

Benfica

O Benfica afinal não é má equipa. O Porto final não é super e muito menos é um papão. E o campeonato está em aberto. Só não está encaminhado para a equipa da Luz porque Pedro Proença, mais uma vez, fez das suas e ofereceu o empate ao FC Porto… Como é possível tão perto do lance o árbitro ver tão mal? A vigarice continua…

Quando o Porto não vai lá… os árbitros fazem metade do trabalho que lhes compete!

Mas vamos ao jogo. O Porto esteve mais ao ataque na primeira parte, dispôs de oportunidades de cabeça por Lucho e Lisandro (em posição de fora de jogo), respondeu o Benfica no último quarto de hora com uma oportunidade para Reyes que Helton defendeu. Depois no findar da primeira parte de um dos cinco cantos que o Benfica dispôs na primeira parte (mais do que o Porto), Reyes da direita do ataque centrou e Yebda de cabeça enfiou a bola na baliza e inaugurou o marcador.

Na segunda parte esperava-se um ataque em massa do Porto mas tal não sucedeu. Aliás o Benfica esteve perto de fazer o segundo golo que mataria o jogo num desvio de Suazo que Helton desviou com os olhos ligeiramente ao lado e ainda num remate cruzado rasteiro de Ruben Amorim que Helton desviou para canto.

O Porto atacava mais mas o Benfica demonstrava segurança defensiva até que chegou o filme do costume Lizandro de fora da área passa por dentro junto da quina e com Yebda atirou-se para o chão… Pedro Proença inventou o penalty em vez de mostrar o cartão amarelo ao avançado argentino. Lucho converteu. Pôs o Porto na corrida pelo jogo…

Até ao final o jogo manteve-se electrizante, mais “partido” , mas terminaria com o resultado de Pedro Proença 1 – Benfica 1!

LIGA SAGRES – 17.ª JORNADA
Estádio do Dragão, no Porto
Hora: 19:45
Árbitro: Pedro Proença (Lisboa)

FC PORTO: Helton, Fucile, Rolando, Bruno Alves, Cissokho, Fernando, Lucho, Raul Meireles, (Mariano Gonzalez 65′) Hulk, Cristian Rodríguez e Lisandro (Farias 89′).

Suplentes: Nuno, Pedro Emanuelo, Stepanov, Tomás Costa, Guarín, Mariano e Farias.

BENFICA: Moreira, Maxi, Luisão, Sidnei, David Luiz, Yebda, Katsouranis, Ruben Amorim, Reyes (Nuno Gomes 86′), Aimar ( Carlos Martins 90+3′) e Suazo (Di Maria 62′).

Suplentes: Quim, Jorge Ribeiro, Binya, Carlos Martins, Di Maria, Nuno Gomes e Cardozo.

Golos: 0-1 Yebda 45′ 1-1 Lucho (pen.) 72′

Disciplina:
Cartão anmarelo a Fernando aos 50′ por falta sobre Katsouranis e Reyes
Cartão amarelo aos 51′ para Maxi Pereira por falta sobre Rodriguez
Cartão amarelo a Katsouranis 64′ em lance com Raúl Meireles
Cartão amarelo a Yebda 71′ no lance da pretensa falta que originou o penalty

 

Mais um gamanço de primeira no Estádio do Dragão

Filed under: arbitragem,Futebol — looking4good @ 9:16 pm

E é esse senhor que disse isto? Mais uma prova da distância entre o dizer e o fazer!

 

8 de Fevereiro, uma data de poetas

Filed under: efemerides — looking4good @ 4:16 am
Hoje 8 de Fevereiro é uma data de poetas. Faz 24 anos que morreu José Gomes Ferreira poeta e ficcionista português.

É tempo para recordar a sua poesia:

“Deixa que a minha solidão
prolongue mais a tua
– para aqui os dois de mãos dadas
nas noites estreladas,
a ver os fantasmas a dançar na lua.
Dá-me a tua mão, companheira,
até o Abismo da Ternura Derradeira”

Em 8 de Fevereiro de 1965 também desaparecia o poeta brasileiro Augusto Schmidt um poeta da segunda geração do Modernismo:
….
A poesia fugiu do mundo.
O amor fugiu do mundo –
Restam somente os homens,
Pequeninos, apressados, egoístas e inúteis.
Resta a vida que é preciso viver.
Resta a volúpia que é preciso matar.
Resta a necessidade de poesia, que é preciso contentar.

Mas não nos ficamos por aqui. Mário Pederneiras outro escritor brasileiro morreu neste dia do ano de 1915

«Meia tinta de cor dos ocasos do Outono
Sonho que uma ilusão sobre a vida nos tece
E perfume sutil de uma folha de trevo,
São, decerto, a feição deste livro que escrevo
Neste ambiente de silêncio e sono
Nesta indolência de quem convalesce.»
……..

Há 90 anos falecia em Lisboa, Júlio Castilho, segundo visconde de Castilho, filho do escritor António Feliciano de Castilho jornalista e poeta, distinguiu-se como olisipógrafo.

Está bem, para não ser tudo mortes, neste dia do ano de 1864 nasceu o poeta mexicano Luís Gonzaga Urbina e em 1950 nasceu o novelista John Grishan (A Firma, o Dossier Pelicano, o Cliente...).

E aqui fica o link para saber (quase) tudo o que se passou On This day in History

Tenha um dia especialmente poético!

 

Recordando José Gomes Ferreira que faleceu há 24 anos

Filed under: José Gomes Ferreira,morte,poesia — looking4good @ 3:45 am

Um dia virás, hora doce e calma
sem as espadas dolorosas
que me sangram a alma
quando cismo…

Eu que até nas rosas
procuro um abismo.

************

Vive em cada minuto
a tua eternidade
– sem luto
nem saudade.

Vive-a, pleno e forte,
num frenesim
de arremesso.

Para que a tua morte
seja sempre um fim
e nunca um começo

in Antologia da Poesia Portuguesa Contemporânea, Um Panorama, Organização de Alberto da Costa e Silva e Alexei Bueno Lacerda Editores

José Gomes Ferreira (n. no Porto a 9 Jun 1900, m. 8 Fev 1985)

Ler do mesmo autor:

 

Desolação – Mário Pederneiras

Filed under: Mário Pederneiras,poesia — looking4good @ 3:03 am

Pela Estrada da Vida ampla – coberta
de um longo velo pesaroso e baço,
hás de encontrá-la muita vez alerta
na longa rota do teu longo passo.

Por caminhos de pedras e sargaço
há de levar-te pela mão incerta,
até que, exausto em Mágoas e Cansaço,
te seja a Vida intérmina e deserta.

Verás em tudo Solidão e Escolhos
e da Tristeza a tétrica figura
estampada trarás nos próprios olhos.

E então, em Mágoas e Pavor clamando,
hás de vê-la passar na Noite escura
a mortalha dos sonhos arrastando.

Mário Veloso Paranhos Pederneiras (nasceu no Rio de Janeiro a 2 de novembro de 1867 — morreu no Rio de Janeiro a 8 de Fevereiro de 1915).

Ler do mesmo autor: Eterna; Meu Casal; Trecho Final

 

Happy birthday Abi Titmuss

Filed under: Abi Titmuss,celebrities — looking4good @ 1:51 am
Abi Titmuss