Nothingandall

Just another WordPress.com weblog

On this day in History – Sep. 12 Setembro 11, 2008

Filed under: efemerides,This Day in History — looking4good @ 11:57 pm

 

On this day in History – Sep. 12

Filed under: efemerides,This Day in History — looking4good @ 11:57 pm

 

Jogos Paraolímpicos

Filed under: Jogos Paraolímpicos,Mário Quintana — looking4good @ 5:18 pm
Joao Paulo Fernandes em competição (Photo credit: Mark Kolbe/Getty Images)
Estão a decorrer os Jogos Paraolímpicos em Pequim na China ou seja no mesmo cenário onde há pouco decorreu as Olímpiadas. Percebe-se que a cobertura jornalística seja incomparavelmente inferior. Nothingandall é que não fica indiferente ao acontecimento e regista-o aqui. Aliás Portugal já obteve nos Paraolímpicos um número de medalhas igual ao que foi obtido pelos outros atletas (uma medalha de ouro e uma medalha de prata).

Esta competição, pela superação que os atletas demonstram das limitações que o destino lhes impuseram, prova que, conforme escreveu Mário Quintana e que a amiga da blogosfera Nadir me lembrou num email que agradeço:

«‘Deficiente’é aquele que não consegue modificar sua vida, aceitando as imposições de outras pessoas ou da sociedade em que vive, sem ter consciência de que é dono do seu destino.
‘Louco’ é quem não procura ser feliz com o que possui.
‘Cego’ é aquele que não vê seu próximo morrer de frio, de fome, de miséria, e só tem olhos para seus míseros problemas e pequenas dores.
‘Surdo’ é aquele que não tem tempo de ouvir um desabafo de um amigo, ou o apelo de um irmão. Pois está sempre apressado para o trabalho e quer garantir seus tostões no fim do mês.
‘Mudo’ é aquele que não consegue falar o que sente e se esconde por trás da máscara da hipocrisia.
‘Paralítico’ é quem não consegue andar na direcção daqueles que precisam de sua ajuda.
‘Diabético’ é quem não consegue ser doce.
‘Anão’ é quem não sabe deixar o amor crescer. E, finalmente, a pior das deficiências é ser miserável, pois:

A amizade é um amor que nunca morre’

 

Jogos Paraolímpicos

Filed under: Jogos Paraolímpicos,Mário Quintana — looking4good @ 5:18 pm
Joao Paulo Fernandes em competição (Photo credit: Mark Kolbe/Getty Images)
Estão a decorrer os Jogos Paraolímpicos em Pequim na China ou seja no mesmo cenário onde há pouco decorreu as Olímpiadas. Percebe-se que a cobertura jornalística seja incomparavelmente inferior. Nothingandall é que não fica indiferente ao acontecimento e regista-o aqui. Aliás Portugal já obteve nos Paraolímpicos um número de medalhas igual ao que foi obtido pelos outros atletas (uma medalha de ouro e uma medalha de prata).

Esta competição, pela superação que os atletas demonstram das limitações que o destino lhes impuseram, prova que, conforme escreveu Mário Quintana e que a amiga da blogosfera Nadir me lembrou num email que agradeço:

«‘Deficiente’é aquele que não consegue modificar sua vida, aceitando as imposições de outras pessoas ou da sociedade em que vive, sem ter consciência de que é dono do seu destino.
‘Louco’ é quem não procura ser feliz com o que possui.
‘Cego’ é aquele que não vê seu próximo morrer de frio, de fome, de miséria, e só tem olhos para seus míseros problemas e pequenas dores.
‘Surdo’ é aquele que não tem tempo de ouvir um desabafo de um amigo, ou o apelo de um irmão. Pois está sempre apressado para o trabalho e quer garantir seus tostões no fim do mês.
‘Mudo’ é aquele que não consegue falar o que sente e se esconde por trás da máscara da hipocrisia.
‘Paralítico’ é quem não consegue andar na direcção daqueles que precisam de sua ajuda.
‘Diabético’ é quem não consegue ser doce.
‘Anão’ é quem não sabe deixar o amor crescer. E, finalmente, a pior das deficiências é ser miserável, pois:

A amizade é um amor que nunca morre’

 

Ronnie Peterson died 30 years ago after fatal crash in Monza

Filed under: efemerides,Formula1,Ronnie Peterson,This Day in History,video — looking4good @ 6:40 am
On September 11, 1978, Formula 1 has lost one of its most charismatic and fastest drivers, Ronnie Peterson . The day before he had a crash in Monza which envolved several cars and drivers. Peterson’s life was not seen to be in any danger. At the time there was more concern for Brambilla, who was hit on the head by a flying wheel and was slumped comatose in his car (he later recovered and drove on in F1 until 1980).

At the hospital, Peterson’s X-rays showed he had 7 fractures in one leg and 3 in the other. After discussion with Ronnie himself, the surgeons decided to operate to stabilize the bones. Unfortunately, during the night, complications brought him the death. The cause of death was given as fat embolism.

 

PALÁCIO DA VENTURA – Antero de Quental

Filed under: Antero de Quental,poesia — looking4good @ 12:24 am
foto daqui

Sonho que sou um cavaleiro andante.
Por desertos, por sóis, por noite escura,
Paladino do amor, busco anelante
O palácio encantado da Ventura!

Mas já desmaio, exausto e vacilante,
Quebrada a espada já, rota a armadura…
E eis que súbito o avisto, fulgurante
Na sua pompa e aérea formosura!

Com grandes golpes bato à porta e brado:
Eu sou o Vagabundo, o Deserdado…
Abri-vos, portas d’ouro, ante meus ais!

Abrem-se as portas d’ouro, com fragor…
Mas dentro encontro só, cheio de dor,
Silêncio e escuridão – e nada mais!

Antero Tarquínio de Quental (n. 18 de Abr. 1891 em Ponta Delgada – m. 11 Set 1891 -suicídio-)

Ler do mesmo autor, neste blog: Idílio; Mors-amor

 

PALÁCIO DA VENTURA – Antero de Quental

Filed under: Antero de Quental,poesia — looking4good @ 12:24 am
foto daqui

Sonho que sou um cavaleiro andante.
Por desertos, por sóis, por noite escura,
Paladino do amor, busco anelante
O palácio encantado da Ventura!

Mas já desmaio, exausto e vacilante,
Quebrada a espada já, rota a armadura…
E eis que súbito o avisto, fulgurante
Na sua pompa e aérea formosura!

Com grandes golpes bato à porta e brado:
Eu sou o Vagabundo, o Deserdado…
Abri-vos, portas d’ouro, ante meus ais!

Abrem-se as portas d’ouro, com fragor…
Mas dentro encontro só, cheio de dor,
Silêncio e escuridão – e nada mais!

Antero Tarquínio de Quental (n. 18 de Abr. 1891 em Ponta Delgada – m. 11 Set 1891 -suicídio-)

Ler do mesmo autor, neste blog: Idílio; Mors-amor