Nothingandall

Just another WordPress.com weblog

Miniaturas – Alfredo Brochado Maio 16, 2008

Filed under: Alfredo Brochado,poesia — looking4good @ 1:33 am

Saudades que eu tenho,
Ninguém
Mais as tem.
Saudades…
Saudades dos dias
Nevoentos e frios
Dos dias sombrios,
Saudades de mim.
Saudades dos dias
Vividos,
Sofridos,
Na curva sem fim,
Dos meus cinco sentidos.
Saudades que eu tenho,
Parece que é assim,
No fundo são tudo
Saudades de mim.

Extraído de Obra Poética de Alfredo Brochado, Edição de José Carlos Seabra Pereira, Lello Editores

Alfredo Monteiro Brochado (n. em Amarante a 3 de Fevereiro de 1897 e suicidou-se em Lisboa a 16 de Maio de 1949).
 

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s