Nothingandall

Just another WordPress.com weblog

Benfica consolida segundo lugar ao vencer em Guimarães Janeiro 26, 2008

Filed under: Benfica,Futebol,Liga Bwin,Vitória de Guimarães — looking4good @ 11:22 pm
Guimarães

1 – 3

Benfica

Cardozo factura dois… Benfica ganha mas ainda sofreu

Perante a ausência de Luisão e de Léo a defesa encarnada inspirada cuidados aos adeptos com Luís Filipe a jogar à direita e Nélson à esquerda e a dupla de centrais a ser formada por David Luís e Edcarlos.

O Benfica começou bem este jogo tomando a iniciativa ao contrário de muitos jogos que á vimos esta época e a verdade é que essa postura saiu premiada quando ainda cedo (7′) ganhou vantagem no marcador num livre directo portentoso de Cardozo. A equipa do Vitória sentia dificuldades na fase de organização de jogo frente a um Benfica de pressão alta no campo ainda que pela esquerda os vitorianos criassem dificuldades a Luís Filipe. Numa excelente ogada pela esquerda de Di Maria que captou a bola junto da lateral bateu o adversário directo e já junto da linha lateral esquerda da área assistiu Maxi Pereira ao segundo poste para apenas empurrar para a baliza. Surpreendia assim a facilidade com que o Benfica punha o resultado a seu favor por 2-0.

Não obstante João Ferreira e principalmente os seus auxiliares (?) falhavam em vários lances em prejuízo dos encarnados. Primeiro um jogador do Vitória em fora de ogo rematou à malha lateral, depois foi o outro assistente a assinalar mal um fora de jogo a Cardozo que estaria isolado; perto do final da primeira parte Rui Costa em posição frontal é travado com um toque no joelho e o árbitro nada assinala, mostrando ainda por cima o cartão amarelo ao jogador do Benfica que teve de sair de maca para ser assistido.

Também David Luíz já há muito se queixava de problemas físicos e ainda na primeira parte foi substituido por Nuno Assis, recuando Katsouranois para o eixo da defesa e Maxi Pereira para o centro do meio campo, com o recém-entrado a tomar lugar como médio direito.

O Guimarães ao intervalo fez duas substituições (entradas de Carlitos e Ghilaz) e a verdade é que mudou muito para melhor, atacando bastante e com o Benfica recuado a ter muitas dificuldades quer na defesa quer principalmente a sair a ogar o que raramente aconteceu. Foi, assim, sem surpresa que o Vitória num lance de bola parada e depois de um corte defeituoso chegou ao golo por Ghilaz de cabeça perto da meia hora de jogo.

Temeu-se o pior mas paradoxalmente a entrada de Roberto (mais um avançado e possante) coincidiu coum uma menor pressão ofensiva com os encarnados a conseguirem «respirar» melhor. Addu entrou para o lugar de Di Maria aos 70′ mas outros jogadores encarnados revelavam dificuldades físicas. O Benfica durante algum tempo conseguiu pôr água na fervura do jogo quando designadamente durante cerca de três minutos conseguiu através de vários lançamentos laterais junto da área do Guimarães afastar a equipa da casa do ataque onde Luís Filipe teve muito trabalho misturando falhas com cortes bem feitos.

Já no período final com Nuno Gomes em campo no lugar de Rui Costa um despacho de bola encarnado proporcionou uma saída de Nilson que atirou a bola contra Cardozo que quase do meio campo atirou a bola para a baliza deserta. Os vitorianos protestaram por eventual mão do avançado do Benfica, mas pouco depois o jogo terminava com uma vitória do Benfica que consolida o segundo lugar ficando agora a ver o que se vai passar amanhã entre Sporting-Porto. Para já o Vitória fica a cinco pontos do Benfica
e pode descer ao quarto lugar se o Sporting não perder amanhã.

Ficha do jogo:
Estádio D. Afonso Henriques, em Guimarães

Árbitro: João Ferreira (AF Setúbal)

V. Guimarães: Nilson; Andrezinho, Sereno, Geromel e Luciano Amaral (Roberto, 61m); Flávio Meireles e João Alves (Ghilas, 46m); Alan, Fajardo (Carlitos, 46m) e Desmarets; Mrdakovic

Benfica: Quim; Luís Filipe, Edcarlos, David Luiz (Nuno Assis, 45+5) e Nélson; Petit e Katsouranis; Maxi Pereira, Rui Costa (Nuno Gomes, 85m) e Di María (Freddy Adu, 70m); Cardozo.

Marcadores: 0-1, Cardozo (8m); 0-2, Maxi Pereira (27m); 1-2, Ghilas (61m); 1-3, Cardozo (90+2)

Disciplina: Cartão amarelo para Petit (18m), Rui Costa (34m), Ghilas (59m), Nélson (59m) e Di María (67m)

 

Benfica consolida segundo lugar ao vencer em Guimarães

Filed under: Benfica,Futebol,Liga Bwin,Vitória de Guimarães — looking4good @ 11:22 pm
Guimarães

1 – 3

Benfica

Cardozo factura dois… Benfica ganha mas ainda sofreu

Perante a ausência de Luisão e de Léo a defesa encarnada inspirada cuidados aos adeptos com Luís Filipe a jogar à direita e Nélson à esquerda e a dupla de centrais a ser formada por David Luís e Edcarlos.

O Benfica começou bem este jogo tomando a iniciativa ao contrário de muitos jogos que á vimos esta época e a verdade é que essa postura saiu premiada quando ainda cedo (7′) ganhou vantagem no marcador num livre directo portentoso de Cardozo. A equipa do Vitória sentia dificuldades na fase de organização de jogo frente a um Benfica de pressão alta no campo ainda que pela esquerda os vitorianos criassem dificuldades a Luís Filipe. Numa excelente ogada pela esquerda de Di Maria que captou a bola junto da lateral bateu o adversário directo e já junto da linha lateral esquerda da área assistiu Maxi Pereira ao segundo poste para apenas empurrar para a baliza. Surpreendia assim a facilidade com que o Benfica punha o resultado a seu favor por 2-0.

Não obstante João Ferreira e principalmente os seus auxiliares (?) falhavam em vários lances em prejuízo dos encarnados. Primeiro um jogador do Vitória em fora de ogo rematou à malha lateral, depois foi o outro assistente a assinalar mal um fora de jogo a Cardozo que estaria isolado; perto do final da primeira parte Rui Costa em posição frontal é travado com um toque no joelho e o árbitro nada assinala, mostrando ainda por cima o cartão amarelo ao jogador do Benfica que teve de sair de maca para ser assistido.

Também David Luíz já há muito se queixava de problemas físicos e ainda na primeira parte foi substituido por Nuno Assis, recuando Katsouranois para o eixo da defesa e Maxi Pereira para o centro do meio campo, com o recém-entrado a tomar lugar como médio direito.

O Guimarães ao intervalo fez duas substituições (entradas de Carlitos e Ghilaz) e a verdade é que mudou muito para melhor, atacando bastante e com o Benfica recuado a ter muitas dificuldades quer na defesa quer principalmente a sair a ogar o que raramente aconteceu. Foi, assim, sem surpresa que o Vitória num lance de bola parada e depois de um corte defeituoso chegou ao golo por Ghilaz de cabeça perto da meia hora de jogo.

Temeu-se o pior mas paradoxalmente a entrada de Roberto (mais um avançado e possante) coincidiu coum uma menor pressão ofensiva com os encarnados a conseguirem «respirar» melhor. Addu entrou para o lugar de Di Maria aos 70′ mas outros jogadores encarnados revelavam dificuldades físicas. O Benfica durante algum tempo conseguiu pôr água na fervura do jogo quando designadamente durante cerca de três minutos conseguiu através de vários lançamentos laterais junto da área do Guimarães afastar a equipa da casa do ataque onde Luís Filipe teve muito trabalho misturando falhas com cortes bem feitos.

Já no período final com Nuno Gomes em campo no lugar de Rui Costa um despacho de bola encarnado proporcionou uma saída de Nilson que atirou a bola contra Cardozo que quase do meio campo atirou a bola para a baliza deserta. Os vitorianos protestaram por eventual mão do avançado do Benfica, mas pouco depois o jogo terminava com uma vitória do Benfica que consolida o segundo lugar ficando agora a ver o que se vai passar amanhã entre Sporting-Porto. Para já o Vitória fica a cinco pontos do Benfica
e pode descer ao quarto lugar se o Sporting não perder amanhã.

Ficha do jogo:
Estádio D. Afonso Henriques, em Guimarães

Árbitro: João Ferreira (AF Setúbal)

V. Guimarães: Nilson; Andrezinho, Sereno, Geromel e Luciano Amaral (Roberto, 61m); Flávio Meireles e João Alves (Ghilas, 46m); Alan, Fajardo (Carlitos, 46m) e Desmarets; Mrdakovic

Benfica: Quim; Luís Filipe, Edcarlos, David Luiz (Nuno Assis, 45+5) e Nélson; Petit e Katsouranis; Maxi Pereira, Rui Costa (Nuno Gomes, 85m) e Di María (Freddy Adu, 70m); Cardozo.

Marcadores: 0-1, Cardozo (8m); 0-2, Maxi Pereira (27m); 1-2, Ghilas (61m); 1-3, Cardozo (90+2)

Disciplina: Cartão amarelo para Petit (18m), Rui Costa (34m), Ghilas (59m), Nélson (59m) e Di María (67m)

 

Benfica consolida segundo lugar ao vencer em Guimarães

Filed under: Benfica,Futebol,Liga Bwin,Vitória de Guimarães — looking4good @ 11:22 pm
Guimarães

1 – 3

Benfica

Cardozo factura dois… Benfica ganha mas ainda sofreu

Perante a ausência de Luisão e de Léo a defesa encarnada inspirada cuidados aos adeptos com Luís Filipe a jogar à direita e Nélson à esquerda e a dupla de centrais a ser formada por David Luís e Edcarlos.

O Benfica começou bem este jogo tomando a iniciativa ao contrário de muitos jogos que á vimos esta época e a verdade é que essa postura saiu premiada quando ainda cedo (7′) ganhou vantagem no marcador num livre directo portentoso de Cardozo. A equipa do Vitória sentia dificuldades na fase de organização de jogo frente a um Benfica de pressão alta no campo ainda que pela esquerda os vitorianos criassem dificuldades a Luís Filipe. Numa excelente ogada pela esquerda de Di Maria que captou a bola junto da lateral bateu o adversário directo e já junto da linha lateral esquerda da área assistiu Maxi Pereira ao segundo poste para apenas empurrar para a baliza. Surpreendia assim a facilidade com que o Benfica punha o resultado a seu favor por 2-0.

Não obstante João Ferreira e principalmente os seus auxiliares (?) falhavam em vários lances em prejuízo dos encarnados. Primeiro um jogador do Vitória em fora de ogo rematou à malha lateral, depois foi o outro assistente a assinalar mal um fora de jogo a Cardozo que estaria isolado; perto do final da primeira parte Rui Costa em posição frontal é travado com um toque no joelho e o árbitro nada assinala, mostrando ainda por cima o cartão amarelo ao jogador do Benfica que teve de sair de maca para ser assistido.

Também David Luíz já há muito se queixava de problemas físicos e ainda na primeira parte foi substituido por Nuno Assis, recuando Katsouranois para o eixo da defesa e Maxi Pereira para o centro do meio campo, com o recém-entrado a tomar lugar como médio direito.

O Guimarães ao intervalo fez duas substituições (entradas de Carlitos e Ghilaz) e a verdade é que mudou muito para melhor, atacando bastante e com o Benfica recuado a ter muitas dificuldades quer na defesa quer principalmente a sair a ogar o que raramente aconteceu. Foi, assim, sem surpresa que o Vitória num lance de bola parada e depois de um corte defeituoso chegou ao golo por Ghilaz de cabeça perto da meia hora de jogo.

Temeu-se o pior mas paradoxalmente a entrada de Roberto (mais um avançado e possante) coincidiu coum uma menor pressão ofensiva com os encarnados a conseguirem «respirar» melhor. Addu entrou para o lugar de Di Maria aos 70′ mas outros jogadores encarnados revelavam dificuldades físicas. O Benfica durante algum tempo conseguiu pôr água na fervura do jogo quando designadamente durante cerca de três minutos conseguiu através de vários lançamentos laterais junto da área do Guimarães afastar a equipa da casa do ataque onde Luís Filipe teve muito trabalho misturando falhas com cortes bem feitos.

Já no período final com Nuno Gomes em campo no lugar de Rui Costa um despacho de bola encarnado proporcionou uma saída de Nilson que atirou a bola contra Cardozo que quase do meio campo atirou a bola para a baliza deserta. Os vitorianos protestaram por eventual mão do avançado do Benfica, mas pouco depois o jogo terminava com uma vitória do Benfica que consolida o segundo lugar ficando agora a ver o que se vai passar amanhã entre Sporting-Porto. Para já o Vitória fica a cinco pontos do Benfica
e pode descer ao quarto lugar se o Sporting não perder amanhã.

Ficha do jogo:
Estádio D. Afonso Henriques, em Guimarães

Árbitro: João Ferreira (AF Setúbal)

V. Guimarães: Nilson; Andrezinho, Sereno, Geromel e Luciano Amaral (Roberto, 61m); Flávio Meireles e João Alves (Ghilas, 46m); Alan, Fajardo (Carlitos, 46m) e Desmarets; Mrdakovic

Benfica: Quim; Luís Filipe, Edcarlos, David Luiz (Nuno Assis, 45+5) e Nélson; Petit e Katsouranis; Maxi Pereira, Rui Costa (Nuno Gomes, 85m) e Di María (Freddy Adu, 70m); Cardozo.

Marcadores: 0-1, Cardozo (8m); 0-2, Maxi Pereira (27m); 1-2, Ghilas (61m); 1-3, Cardozo (90+2)

Disciplina: Cartão amarelo para Petit (18m), Rui Costa (34m), Ghilas (59m), Nélson (59m) e Di María (67m)

 

Benfica consolida segundo lugar ao vencer em Guimarães

Filed under: Benfica,Futebol,Liga Bwin,Vitória de Guimarães — looking4good @ 11:22 pm
Guimarães

1 – 3

Benfica

Cardozo factura dois… Benfica ganha mas ainda sofreu

Perante a ausência de Luisão e de Léo a defesa encarnada inspirada cuidados aos adeptos com Luís Filipe a jogar à direita e Nélson à esquerda e a dupla de centrais a ser formada por David Luís e Edcarlos.

O Benfica começou bem este jogo tomando a iniciativa ao contrário de muitos jogos que á vimos esta época e a verdade é que essa postura saiu premiada quando ainda cedo (7′) ganhou vantagem no marcador num livre directo portentoso de Cardozo. A equipa do Vitória sentia dificuldades na fase de organização de jogo frente a um Benfica de pressão alta no campo ainda que pela esquerda os vitorianos criassem dificuldades a Luís Filipe. Numa excelente ogada pela esquerda de Di Maria que captou a bola junto da lateral bateu o adversário directo e já junto da linha lateral esquerda da área assistiu Maxi Pereira ao segundo poste para apenas empurrar para a baliza. Surpreendia assim a facilidade com que o Benfica punha o resultado a seu favor por 2-0.

Não obstante João Ferreira e principalmente os seus auxiliares (?) falhavam em vários lances em prejuízo dos encarnados. Primeiro um jogador do Vitória em fora de ogo rematou à malha lateral, depois foi o outro assistente a assinalar mal um fora de jogo a Cardozo que estaria isolado; perto do final da primeira parte Rui Costa em posição frontal é travado com um toque no joelho e o árbitro nada assinala, mostrando ainda por cima o cartão amarelo ao jogador do Benfica que teve de sair de maca para ser assistido.

Também David Luíz já há muito se queixava de problemas físicos e ainda na primeira parte foi substituido por Nuno Assis, recuando Katsouranois para o eixo da defesa e Maxi Pereira para o centro do meio campo, com o recém-entrado a tomar lugar como médio direito.

O Guimarães ao intervalo fez duas substituições (entradas de Carlitos e Ghilaz) e a verdade é que mudou muito para melhor, atacando bastante e com o Benfica recuado a ter muitas dificuldades quer na defesa quer principalmente a sair a ogar o que raramente aconteceu. Foi, assim, sem surpresa que o Vitória num lance de bola parada e depois de um corte defeituoso chegou ao golo por Ghilaz de cabeça perto da meia hora de jogo.

Temeu-se o pior mas paradoxalmente a entrada de Roberto (mais um avançado e possante) coincidiu coum uma menor pressão ofensiva com os encarnados a conseguirem «respirar» melhor. Addu entrou para o lugar de Di Maria aos 70′ mas outros jogadores encarnados revelavam dificuldades físicas. O Benfica durante algum tempo conseguiu pôr água na fervura do jogo quando designadamente durante cerca de três minutos conseguiu através de vários lançamentos laterais junto da área do Guimarães afastar a equipa da casa do ataque onde Luís Filipe teve muito trabalho misturando falhas com cortes bem feitos.

Já no período final com Nuno Gomes em campo no lugar de Rui Costa um despacho de bola encarnado proporcionou uma saída de Nilson que atirou a bola contra Cardozo que quase do meio campo atirou a bola para a baliza deserta. Os vitorianos protestaram por eventual mão do avançado do Benfica, mas pouco depois o jogo terminava com uma vitória do Benfica que consolida o segundo lugar ficando agora a ver o que se vai passar amanhã entre Sporting-Porto. Para já o Vitória fica a cinco pontos do Benfica
e pode descer ao quarto lugar se o Sporting não perder amanhã.

Ficha do jogo:
Estádio D. Afonso Henriques, em Guimarães

Árbitro: João Ferreira (AF Setúbal)

V. Guimarães: Nilson; Andrezinho, Sereno, Geromel e Luciano Amaral (Roberto, 61m); Flávio Meireles e João Alves (Ghilas, 46m); Alan, Fajardo (Carlitos, 46m) e Desmarets; Mrdakovic

Benfica: Quim; Luís Filipe, Edcarlos, David Luiz (Nuno Assis, 45+5) e Nélson; Petit e Katsouranis; Maxi Pereira, Rui Costa (Nuno Gomes, 85m) e Di María (Freddy Adu, 70m); Cardozo.

Marcadores: 0-1, Cardozo (8m); 0-2, Maxi Pereira (27m); 1-2, Ghilas (61m); 1-3, Cardozo (90+2)

Disciplina: Cartão amarelo para Petit (18m), Rui Costa (34m), Ghilas (59m), Nélson (59m) e Di María (67m)

 

Management Lesson (II)

Filed under: humour,Management — looking4good @ 8:34 pm
Johnny wanted to have sex with a girl in his office but she belonged to someone else.
One day Johnny got so frustrated that he went up to her and said: “I’ll give you a $100 if you let me have you” but the girl said “NO!”.

Johnny said, “I’ll be fast, I’ll throw the money on the floor, you bend down, and I’ll be finished by the time you pick it up.

“She thought for a moment and said that she would have to consult her boyfriend. So she called her boyfriend and told him the story.

Her boyfriend says, “Ask him for $200, pick up the money very fast, he won’t even be able to get his pants down.” She agrees and accepts the proposal.

Half an hour goes by and the boyfriend is waiting for his girlfriend to call. Finally, after 45 minutes the boyfriend calls and asks what happened. She blurted out, “The son of a bitch used coins!”

Management lesson: Always consider a business proposal in it’s entirety before agreeing to its terms and getting screwed.

 

On this day in History – Jan. 26

Filed under: efemerides,This Day in History — looking4good @ 12:44 am
 

On this day in History – Jan. 26

Filed under: efemerides,This Day in History — looking4good @ 12:44 am