Nothingandall

Just another WordPress.com weblog

Sporting vence com facilidade um Dínamo «avariado» Dezembro 12, 2007

Filed under: football,Futebol,soccer,Sporting,Uefa Champions League 2007/2008 — looking4good @ 11:15 pm

Dinamo Kyiv logoSporting logo Sporting

3-0

Dinamo Kyiv

Vitória leonina com normalidade e até deu para marcar de penalty

Num jogo para cumprir calendário e perante um Dinamo de Kyiv fraco – e ainda mais pela ausencia de grande número de titulares (nomeadamente sem nenhum dos brasileiros) – Paulo Bento também fez alguma rotação de jogadores no meio-campo jogando Farnerud e Adrian, poupando Romagnoli e Miguel Veloso.

Cedo se percebeu que os ucranianos não iriam opor grande oposição ao Sporting, que mesmo sem forçar muito, is construindo oportunidades: aos 10′ Liedson de peito assistiu Purovic, mas (com os pés…) este falhou; por volta dos 21′ Abel fez um remate espectacular que o guarda-redes desviou ligeiramente para a bola bater ainda na barra e sair para fora (o árbitro falhou ao não conceder canto).

Um pouco depois da meia hora foi o Dinamo que criou uma jogada de perigo com uma excelente defesa de Rui Patrício a remate à meia volta já dentro da área de Bangoura.

Logo a seguir o penalty cavado por Liedson (quem poderia ser ?). O avançado perseguiu uma bola dividida na entrada do lado direito da área dos visitantes, chegou primeiro tocando-a e depois deu-se o choque com o defesa ucraniano que, chegando mais tarde, acaba por derrubar o brasileiro. O penalty foi marcado por Polga, desta vez à colocação para o lado direito do guarda-redes o defesa leonino associou média força ao remate e inaugurou o marcador.

Na segunda parte os ucranianos vieram um pouco mais afoitos adiantando mais jogadores nos lances ofensivos e estiveram perto do empate quando um cruzamento da direita desviou num defesa e foi bater no poste esquerdo da baliza de Rui Patrício com este a ter sorte porque a bola vinda do poste não lhe bateu nas costas, afastando depois a defesa leonina.

Um minuto antes Ronny, que tentou alguns remates de longe ineficazes e em maré de receber assobios dos adeptos, fora substituido por Miguel Veloso (60′) e a verdade é que o Sporting passou a beneficiar da maior capacidade técnica e maior avanço no terreno do substituto defesa esquerdo, voltando à superioridade no jogo.

Aos 66′ uma excelente jogada de Izmailov no lado esquerdo da área ucraniana conseguindo libertar-se da teia de adversários passou a bola atrasada para o meio onde João Moutinho fez um remate em jeito colocado junto ao poste e resolvendo definitivamente o jogo.

Os ucranianos sentiram por demais este golo e jamais incomodaram Rui Patrício. Purovic ainda falhou o 3-0 – desta vez o remate de cabeça ia mesmo para a baliza, mas um defesa cortou a bola perto da linha de golo – e já perto do final num lance rápido Vukcevic (que entrara aos 67′ para o lugar de Farnerud) fez um passe magistral para a desmarcação de Liedsonque à saída do guarda-redes fez o 3-0 final.

De registo, aliás, a lesão do jogador do Sporting neste lance, com traumatismo no joelho (que aparenta não ser grave, vai ser reavaliado amanhã), mas que pode ser impeditivo de jogar no próximo jogo.

A arbitragem do escocês Stuart Dougal foi discreta com poucos erros e deixando jogar perante um jogo fácil de dirigir pela postura dos jogadores (não houve qualquer cartão) e ritmo baixo de jogo.

Enfim uma jornada – a última da fase de grupos – da Champions League com três vitórias das equipas portugueses e que foi a excepção nesta campanha. De qualquer modo as três equipas prosseguem nas provas europeias: o Porto na Champions, os rivais de Lisboa na Taça Uefa.

Estádio: Estádio José Alvalade
Árbitros: Stuart Dougal (Escócia); Aux – Francis Andrews, James Bee

SPORTING – Rui Patrício, Polga, Tonel, Abel, Ronny (Miguel Veloso, 60 m), Adrien Silva, Farnerud (Vukcevic, 67 m), Izmailov, João Moutinho, Purovic (Luiz Pães, 85 m) e Liedson.

DÍNAMO KIEV – Lutsenko, Gavrancic, Dopilka, Nesmachniy, Markovic, Ghioane, Gusev, Ninkovic, Rebrov (Belkevich, 80 m), Shatskikh e Bangoura (Artem, 56 m).

Golos: 1-0, Polga (34 m); 2-0, João Moutinho (66 m); 3-0, Liedson (88 m).

Disciplina: Nada a registar

 

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s