Nothingandall

Just another WordPress.com weblog

Dois Poemas da Praia da Areia Branca – Sidónio Muralha Julho 28, 2007

Filed under: poesia,Sidónio Muralha — looking4good @ 2:03 pm
foto: Praia da Areia Branca, Portugal; autor: glosk.bot

1

Na praia da Areia Branca
os búzios não falam só do mar:
– falam das pragas, dos clamores,
da fome dos pescadores
e dos lenços tristes a acenar.

Búzios da praia da Areia branca:

– um dia,
haveis de falar
unicamente do mar.

2

No fundo do mar,
há barcos, tesoiros,
segredos por desvendar
e marinheiros que foram morenos ou loiros.

Ali, não são morenos nem loiros:
– são formas breves, a descansar,
sem ambições para os tesoiros
e de cabelos verdes dos limos do mar.

Serenos, serenos, repousam os mortos,

enquanto o mar
ensina o mundo a falar
a mesma língua em todos os portos.

Sidónio Muralha (n. Lisboa a 28 Jul 1920 – m. Curitiba, Paraná, Brasil a 8 de Dez 1982)

 

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s