Nothingandall

Just another WordPress.com weblog

Copa América (XIV): Brazil é o campeão Julho 16, 2007

Filed under: Copa América,Futebol — looking4good @ 1:41 am

Brasil 3 – 0 Argentina
[1-0 Júlio Batista 4′, 2-0 Ayala (pb) 39′, 3-0 Daniel Alves 68′ ]

O Brasil venceu a Copa América ao bater categoricamente a Argentina por 3-0. O triunfo começou cedo a desenhar-se quando um lançamento comprido de Elano foi captado por Júlio Batista que, com Ayala a dar muito espaço, flectiu para o centro e fez um remate espectacular deixando Abbondanzieri sem qualquer reacção.

O primeiro quarto de hora do jogo foi extraordinário com os argentinos a reagirem e a verem o remate de Riquelme bater no poste da baliza de Dono, após excelente jogada colectiva. Logo a seguir o Brasil após jogada pela direita de Maicón voltou a criar muito perigo.

Em jogada semelhante Daniel Alves (que substituira Elano lesionado) fugiu pela direita e o cruzamento para a zoma nevrálgica da área argentina foi desviado por Ayala que fez auto-golo.

O meio campo argentino era bloqueado pela pressão dos jogadores brasileiros e esperava-se que ao intervalo alguma coisa fosse rectificada. Porém o treinador só mexeria na equipa aos 58′ com a entrada de Pablo Aimar para o lugar de Cambiasso. O jogo na segunda parte decaiu de espectacularidade, com os argentinos a desiludirem e o 3-0 aos 68′ por Daniel Alves após jogada de contra-ataque confirmou um triunfo claro do Brasil que curiosamente se estreara nesta Copa América com uma derrota (frente ao México por 2-0).

Robinho foi considerado o melhor jogador da prova.

Ficha do jogo:

Árbitro: Amarilla (México)

BRASIL – Doni; Maicon, Alex, Juan e Gilberto; Mineiro, Josué, Júlio Baptista e Elano (Daniel Alves, 33 m); Robinho (Diego, 90 m) e Vágner Love (Fernando, 88 m).

ARGENTINA – Abbondanzieri; Zanetti, Ayala, Gabriel Milito e Heize; Verón (Lucho, 66 m), Mascherano, Cambiasso (Aimar, 58 m) e Riquelme; Messi e Tevez.

Disciplina: cartão amarelo a Alex, Mascherano, Doni, Gilberto, Júlio Baptista, Tevez e Josué.

Marcador: 1-0 por Júlio Baptista; 2-0 por Ayala (39 m, n.p.b.); 3-0 por Daniel Alves (68 m).

Na véspera os mexicanos asseguraram o terceiro lugar ao vencer o Uruguay por 3-1 beneficiando da expulsão de Diego Lugano aos 38′ para empatar o jogo de penalty e partir para um triunfo justo.

 

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s