Nothingandall

Just another WordPress.com weblog

On this day in History – Jun 22 Junho 21, 2007

Filed under: efemerides,This Day in History — looking4good @ 11:10 pm

 

On this day in History – Jun 22

Filed under: efemerides,This Day in History — looking4good @ 11:10 pm

 

On this day in History – Jun 22

Filed under: efemerides,This Day in History — looking4good @ 11:10 pm
 

Portugal de fora dos Olímpicos em futebol

Filed under: Futebol,Hóquei em Patins,Portugal — looking4good @ 10:08 pm
… e de fora também do Mundial de Hóquei em Patins

Mais um dia mau para o desporto português. Em hóquei em patins a selecção portuguesa que já se sabia não convencia ninguém (nos jogos de preparação fez resultados inacreditáveis perdendo com equipas de clube de segundo plano), já na primeira fase tinha ganho a Moçambique apenas por 7-4 (depois de ter ganho à França por 4-1), depois venceu os Estados Unidos no melhor jogo que fizeram (11-0). Agora para os quartos de final Portugal até chegou aos 2-0 na primeira parte mas ao intervalo o resultado já era de 2-1. Na segunda parte os suiços foram superiores !!! a Portugal empataram e ainda dentro do tempo normal de jogo a um minuto do fim estiveram quase a conseguir a vitória. A verdade é que no prolongamento conseguiram mesmo, perante a estupefacção dos adeptos portugueses da modalidade que nunca tinham visto a selecção portuguesa ter ficado fora dos primeiros quatro lugares.

Depois da desilusão do hóquei os portugueses viveram a desilusão do futebol. Jogando com a Itália, Portugal fez uma boa primeira parte frente aos italianos mas a maior oportunidade foi para estes; depoiis de uma aceleração foi Paulo Ribeiro que evitou o golo italiano aparecendo depois Antunes a desviar a bola . No segundo tempo os italianos apareceram melhor, mas a expulsão aos 74′ de deu a Portugal a possibilidade de ganhar o jogo. No prolongamento a equipa portuguesa foi a única que atacou e Yanick que entrou na segunda parte do prolongamento a substitur João Pereira teve o golo à sua disposição mas atirou ao lado e também João Moutinho de cabeça ao segundo poste já havia atirado ao lado depois de jogada de Nani pela esquerda.

Nos penalties os italianos demonstraram a sua eficácia marcando todos os penalties enquanto Manuel Fernandes possibilitou a defesa do guarda-redes e Antunes rematou ao lado. Mais uma derrota de Portugal frente a Itália e também mais um decepcionante Euro sub 21 a juntar ao de há dois anos na prova organizada por Portugal. Na final vamos ter um Holanda-Sérvia, também aqui a repetição da final do Euro 2005.

 

Musa Consolatrix – Machado de Assis

Filed under: Machado de Assis,poesia — looking4good @ 5:46 pm
foto: Folha de Outono

Que a mão do tempo e o hálito dos homens
Murchem a flor das ilusões da vida,
Musa consoladora,
É no teu seio amigo e sossegado
Que o poeta respira o suave sono.

Não há, não há contigo,
Nem dor aguda, nem sombrios ermos;
Da tua voz os namorados cantos
Enchem, povoam tudo
De íntima paz, de vida e de conforto.

Ante esta voz que as dores adormece,
E muda o agudo espinho em flor cheirosa,
Que vales tu, desilusão dos homens?
Tu que podes, ó tempo?
A alma triste do poeta sobrenada
À enchente das angústias,
E. afrontando o rugido da tormenta,
Passa cantando, alcíone divina.
Musa consoladora,
Quando da minha fronte de mancebo
A última ilusão cair, bem como
Folha amarela e seca
Que ao chão atira a viração do outono,
Ah! No teu seio amigo
Acolhe-me, — e haverá minha alma aflita,
Em vez de algumas ilusões que teve,
A paz,o último bem, último e puro!

Joaquim Maria Machado de Assis (n. em 21 de Jun de 1839 no Morro do Livramento(RJ); m. em 29 Set 1908 no Rio de Janeiro).

Ler do mesmo autor: Menina e Moça

 

Musa Consolatrix – Machado de Assis

Filed under: Machado de Assis,poesia — looking4good @ 5:46 pm
foto: Folha de Outono

Que a mão do tempo e o hálito dos homens
Murchem a flor das ilusões da vida,
Musa consoladora,
É no teu seio amigo e sossegado
Que o poeta respira o suave sono.

Não há, não há contigo,
Nem dor aguda, nem sombrios ermos;
Da tua voz os namorados cantos
Enchem, povoam tudo
De íntima paz, de vida e de conforto.

Ante esta voz que as dores adormece,
E muda o agudo espinho em flor cheirosa,
Que vales tu, desilusão dos homens?
Tu que podes, ó tempo?
A alma triste do poeta sobrenada
À enchente das angústias,
E. afrontando o rugido da tormenta,
Passa cantando, alcíone divina.
Musa consoladora,
Quando da minha fronte de mancebo
A última ilusão cair, bem como
Folha amarela e seca
Que ao chão atira a viração do outono,
Ah! No teu seio amigo
Acolhe-me, — e haverá minha alma aflita,
Em vez de algumas ilusões que teve,
A paz,o último bem, último e puro!

Joaquim Maria Machado de Assis (n. em 21 de Jun de 1839 no Morro do Livramento(RJ); m. em 29 Set 1908 no Rio de Janeiro).

Ler do mesmo autor: Menina e Moça

 

Musa Consolatrix – Machado de Assis

Filed under: Machado de Assis,poesia — looking4good @ 5:46 pm
foto: Folha de Outono

Que a mão do tempo e o hálito dos homens
Murchem a flor das ilusões da vida,
Musa consoladora,
É no teu seio amigo e sossegado
Que o poeta respira o suave sono.

Não há, não há contigo,
Nem dor aguda, nem sombrios ermos;
Da tua voz os namorados cantos
Enchem, povoam tudo
De íntima paz, de vida e de conforto.

Ante esta voz que as dores adormece,
E muda o agudo espinho em flor cheirosa,
Que vales tu, desilusão dos homens?
Tu que podes, ó tempo?
A alma triste do poeta sobrenada
À enchente das angústias,
E. afrontando o rugido da tormenta,
Passa cantando, alcíone divina.
Musa consoladora,
Quando da minha fronte de mancebo
A última ilusão cair, bem como
Folha amarela e seca
Que ao chão atira a viração do outono,
Ah! No teu seio amigo
Acolhe-me, — e haverá minha alma aflita,
Em vez de algumas ilusões que teve,
A paz,o último bem, último e puro!

Joaquim Maria Machado de Assis (n. em 21 de Jun de 1839 no Morro do Livramento(RJ); m. em 29 Set 1908 no Rio de Janeiro).

Ler do mesmo autor: Menina e Moça