Nothingandall

Just another WordPress.com weblog

Abril 29, 2007

Filed under: Futebol — looking4good @ 11:40 pm


Benfica

1-1

Sporting

Pouca ambição de quem apregoa que quer ser campeão!

Simão ausente da equipa, afinal não recuperou, e a equipa começa o jogo a dormir e perder. Este Benfica quantos golos já sofreu de lançamentos de linha lateral? No Estádio do dragão perdeu o jogo assim (no final do jogo), agora foi logo no início. Lançamento lateral, bola para Abel que cruzou e encontra Liedson à vontade) onde estavam os centrais) a cabecear para o golo.

O Sporting tranquilizou-se mas à medida que o jogo decorria o Benfica melhorou. Aos 7′ um lançamento para a desmarcação de Miccoli que ganhou a dianteira a Caneira, com a bola mesmo à sua frente, foi agarrado, estatelou-se e cartão amarelo muito benevolente. Uma abertura de Karagounis de um lado para o outro do campo encontra Katsouranis que rematou contra o corpo de Ricardo mas na recarga de fora da área, Miccoli estabeleceu o empate.

O jogo ganhou um interesse e uma dinâmica especial mas os jogadores começaram com quesílias que o árbitro não puniu. Porém aos 38′ mostrou anarelo a Miccoli por falta sobre João Moutinho, quando em lances anteriores não mostrou, nomeadamente a Liedson por falta sobre Karagounis. Na segunda parte o jogo não foi tão vibrante, a chuva que começou a cair prejudicou, mas o entusiasmo manteve-se e a incerteza no marcador também.

O Sporting ganhou mais cantos, os treinadores mexeram nas equipas, primeiro Paulo Bento com entradas de Alecssandro e Pereirinha para os lugares de Yanick e Abel, depois Fernando Santos fazendo entrar Manú para o lugar de Nuno Gomes (inexistente no jogo). O árbitro que mostrou aos 73′ cartão amarelo para Anderson (Benfica), por empurrar Liedson, não mostrou o segundo a Caneira, de modo inadmissível, por falta sobre Karagounis, quando até o próprio sportinguista se convencia que ia ser expulso. Faltava cerca de um quarto de hora para o final de jogo.

O Sporting já só apostava no contra-ataque agradado com o empate e o Benfica também não mostrava forlas para conseguir mais do que um empate. Mantorras entrou para o lugar de Petit, Tonel para o lugar de Romagnoli, e o empate consumou-se com Ricardo a acabar o jogo lesionado após lance com David Luís. Empate certo e surpreende a falta de risco que as equipas assumiram. Afinal, quem se riu foi o Porto que ontem tinha saído a chorar. Deste árbitro podem dizer o que quiserem mas se não tem coragem para expulsar jogadores não pode ser bom árbitro.

Estádio da Luz, em Lisboa; Espect.: 54370 Árbitros: Pedro Henriques (Lisboa), Aux – José Lima,Tiago Trigo

BENFICA – Quim; Nélson, Anderson, David Luiz e Léo; Petit (Mantorras, 80 m); Katsouranis, Rui Costa e Karagounis; Nuno Gomes (Manú, 68 m) e Miccoli.

SPORTING – Ricardo; Abel (Pereirinha, 65 m), Caneira, Polga e Tello; Miguel Veloso; João Moutinho, Romagnoli (Tonel, 87 m) e Nani; Yannick (Alecsandro, 65 m) e Liedson.

Golos: 1-0, Liedson (2 m); 1-1, Miccoli (23 m).

Disciplina: Cartão amarelo a Caneira, Miccoli, Anderson e Pereirinha

 

Benfica e Sporting anulam-se com um empate que serve ao Porto.

Filed under: Benfica,Liga Bwin,Sporting — looking4good @ 9:01 pm


Benfica
1-1
Sporting

Pouca ambição de quem apregoa que quer ser campeão!

Simão ausente da equipa, afinal não recuperou, e a equipa começa o jogo a dormir e perder. Este Benfica quantos golos já sofreu de lançamentos de linha lateral? No Estádio do dragão perdeu o jogo assim (no final do jogo), agora foi logo no início. Lançamento lateral, bola para Abel que cruzou e encontra Liedson à vontade) onde estavam os centrais) a cabecear para o golo. O Sporting tranquilizou-se mas à medida que o jogo decorria o Benfica melhorou.

Aos 7′ um lançamento para a desmarcação de Miccoli que ganhou a dianteira a Caneira, com a bola mesmo à sua frente, foi agarrado, estatelou-se e cartão amarelo muito benevolente.

Uma abertura de Karagounis de um lado para o outro do campo encontra Katsouranis que rematou contra o corpo de Ricardo mas na recarga de fora da área, Miccoli estabeleceu o empate. O jogo ganhou um interesse e uma dinâmica especial mas os jogadores começaram com quesílias que o árbitro não puniu. Porém aos 38′ mostrou anarelo a Miccoli por falta sobre João Moutinho, quando em lances anteriores não mostrou, nomeadamente a Liedson por falta sobre Karagounis.

Na segunda parte o jogo não foi tão vibrante, a chuva que começou a cair prejudicou, mas o entusiasmo manteve-se e a incerteza no marcador também. O Sporting ganhou mais cantos, os treinadores mexeram nas equipas, primeiro Paulo Bento com entradas de Alecssandro e Pereirinha para os lugares de Yanick e Abel, depois Fernando Santos fazendo entrar Manú para o lugar de Nuno Gomes (inexistente no jogo).

O árbitro que mostrou aos 73′ cartão amarelo para Anderson (Benfica), por empurrar Liedson, não mostrou o segundo a Caneira, de modo inadmissível, por falta sobre Karagounis, quando até o próprio sportinguista se convencia que ia ser expulso.

Faltava cerca de um quarto de hora para o final de jogo, O sporting já só apostava no contra-ataque agradado com o empate e o Benfica também não mostrava forlas para conseguir mais do que um empate. Mantorras entrou para o lugar de Petit, Tonel para o lugar de Romagnoli, e o empate consumou-se com Ricardo a acabar o jogo lesionado após lance com David Luís.

Empate certo e surpreende a falta de risco que as equipas assumiram. Afinal, quem se riu foi o Porto que ontem tinha saído a chorar.

Deste árbitro podem dizer o que quiserem mas se não tem coragem para expulsar jogadores não pode ser bom árbitro.

Estádio da Luz, em Lisboa; Espect.: 54370

Árbitros: Pedro Henriques (Lisboa), Aux – José Lima,Tiago Trigo , 4º

BENFICA – BENFICA – Quim; Nélson, Anderson, David Luiz e Léo; Petit (Mantorras, 80 m); Katsouranis, Rui Costa e Karagounis; Nuno Gomes (Manú, 68 m) e Miccoli.

SPORTING – Ricardo; Abel (Pereirinha, 65 m), Caneira, Polga e Tello; Miguel Veloso; João Moutinho, Romagnoli (Tonel, 87 m) e Nani; Yannick (Alecsandro, 65 m) e Liedson.

Ao intervalo: 1-1

Golos: 1-0, Liedson (2 m); 1-1, Miccoli (23 m).

Disciplina:
Cartão amarelo a Caneira, Miccoli, Anderson e Pereirinha

 

Benfica e Sporting anulam-se com um empate que serve ao Porto.

Filed under: Benfica,Liga Bwin,Sporting — looking4good @ 9:01 pm


Benfica
1-1
Sporting

Pouca ambição de quem apregoa que quer ser campeão!

Simão ausente da equipa, afinal não recuperou, e a equipa começa o jogo a dormir e perder. Este Benfica quantos golos já sofreu de lançamentos de linha lateral? No Estádio do dragão perdeu o jogo assim (no final do jogo), agora foi logo no início. Lançamento lateral, bola para Abel que cruzou e encontra Liedson à vontade) onde estavam os centrais) a cabecear para o golo. O Sporting tranquilizou-se mas à medida que o jogo decorria o Benfica melhorou.

Aos 7′ um lançamento para a desmarcação de Miccoli que ganhou a dianteira a Caneira, com a bola mesmo à sua frente, foi agarrado, estatelou-se e cartão amarelo muito benevolente.

Uma abertura de Karagounis de um lado para o outro do campo encontra Katsouranis que rematou contra o corpo de Ricardo mas na recarga de fora da área, Miccoli estabeleceu o empate. O jogo ganhou um interesse e uma dinâmica especial mas os jogadores começaram com quesílias que o árbitro não puniu. Porém aos 38′ mostrou anarelo a Miccoli por falta sobre João Moutinho, quando em lances anteriores não mostrou, nomeadamente a Liedson por falta sobre Karagounis.

Na segunda parte o jogo não foi tão vibrante, a chuva que começou a cair prejudicou, mas o entusiasmo manteve-se e a incerteza no marcador também. O Sporting ganhou mais cantos, os treinadores mexeram nas equipas, primeiro Paulo Bento com entradas de Alecssandro e Pereirinha para os lugares de Yanick e Abel, depois Fernando Santos fazendo entrar Manú para o lugar de Nuno Gomes (inexistente no jogo).

O árbitro que mostrou aos 73′ cartão amarelo para Anderson (Benfica), por empurrar Liedson, não mostrou o segundo a Caneira, de modo inadmissível, por falta sobre Karagounis, quando até o próprio sportinguista se convencia que ia ser expulso.

Faltava cerca de um quarto de hora para o final de jogo, O sporting já só apostava no contra-ataque agradado com o empate e o Benfica também não mostrava forlas para conseguir mais do que um empate. Mantorras entrou para o lugar de Petit, Tonel para o lugar de Romagnoli, e o empate consumou-se com Ricardo a acabar o jogo lesionado após lance com David Luís.

Empate certo e surpreende a falta de risco que as equipas assumiram. Afinal, quem se riu foi o Porto que ontem tinha saído a chorar.

Deste árbitro podem dizer o que quiserem mas se não tem coragem para expulsar jogadores não pode ser bom árbitro.

Estádio da Luz, em Lisboa; Espect.: 54370

Árbitros: Pedro Henriques (Lisboa), Aux – José Lima,Tiago Trigo , 4º

BENFICA – BENFICA – Quim; Nélson, Anderson, David Luiz e Léo; Petit (Mantorras, 80 m); Katsouranis, Rui Costa e Karagounis; Nuno Gomes (Manú, 68 m) e Miccoli.

SPORTING – Ricardo; Abel (Pereirinha, 65 m), Caneira, Polga e Tello; Miguel Veloso; João Moutinho, Romagnoli (Tonel, 87 m) e Nani; Yannick (Alecsandro, 65 m) e Liedson.

Ao intervalo: 1-1

Golos: 1-0, Liedson (2 m); 1-1, Miccoli (23 m).

Disciplina:
Cartão amarelo a Caneira, Miccoli, Anderson e Pereirinha

 

Benfica e Sporting anulam-se com um empate que serve ao Porto.

Filed under: Benfica,Liga Bwin,Sporting — looking4good @ 9:01 pm


Benfica
1-1
Sporting

Pouca ambição de quem apregoa que quer ser campeão!

Simão ausente da equipa, afinal não recuperou, e a equipa começa o jogo a dormir e perder. Este Benfica quantos golos já sofreu de lançamentos de linha lateral? No Estádio do dragão perdeu o jogo assim (no final do jogo), agora foi logo no início. Lançamento lateral, bola para Abel que cruzou e encontra Liedson à vontade) onde estavam os centrais) a cabecear para o golo. O Sporting tranquilizou-se mas à medida que o jogo decorria o Benfica melhorou.

Aos 7′ um lançamento para a desmarcação de Miccoli que ganhou a dianteira a Caneira, com a bola mesmo à sua frente, foi agarrado, estatelou-se e cartão amarelo muito benevolente.

Uma abertura de Karagounis de um lado para o outro do campo encontra Katsouranis que rematou contra o corpo de Ricardo mas na recarga de fora da área, Miccoli estabeleceu o empate. O jogo ganhou um interesse e uma dinâmica especial mas os jogadores começaram com quesílias que o árbitro não puniu. Porém aos 38′ mostrou anarelo a Miccoli por falta sobre João Moutinho, quando em lances anteriores não mostrou, nomeadamente a Liedson por falta sobre Karagounis.

Na segunda parte o jogo não foi tão vibrante, a chuva que começou a cair prejudicou, mas o entusiasmo manteve-se e a incerteza no marcador também. O Sporting ganhou mais cantos, os treinadores mexeram nas equipas, primeiro Paulo Bento com entradas de Alecssandro e Pereirinha para os lugares de Yanick e Abel, depois Fernando Santos fazendo entrar Manú para o lugar de Nuno Gomes (inexistente no jogo).

O árbitro que mostrou aos 73′ cartão amarelo para Anderson (Benfica), por empurrar Liedson, não mostrou o segundo a Caneira, de modo inadmissível, por falta sobre Karagounis, quando até o próprio sportinguista se convencia que ia ser expulso.

Faltava cerca de um quarto de hora para o final de jogo, O sporting já só apostava no contra-ataque agradado com o empate e o Benfica também não mostrava forlas para conseguir mais do que um empate. Mantorras entrou para o lugar de Petit, Tonel para o lugar de Romagnoli, e o empate consumou-se com Ricardo a acabar o jogo lesionado após lance com David Luís.

Empate certo e surpreende a falta de risco que as equipas assumiram. Afinal, quem se riu foi o Porto que ontem tinha saído a chorar.

Deste árbitro podem dizer o que quiserem mas se não tem coragem para expulsar jogadores não pode ser bom árbitro.

Estádio da Luz, em Lisboa; Espect.: 54370

Árbitros: Pedro Henriques (Lisboa), Aux – José Lima,Tiago Trigo , 4º

BENFICA – BENFICA – Quim; Nélson, Anderson, David Luiz e Léo; Petit (Mantorras, 80 m); Katsouranis, Rui Costa e Karagounis; Nuno Gomes (Manú, 68 m) e Miccoli.

SPORTING – Ricardo; Abel (Pereirinha, 65 m), Caneira, Polga e Tello; Miguel Veloso; João Moutinho, Romagnoli (Tonel, 87 m) e Nani; Yannick (Alecsandro, 65 m) e Liedson.

Ao intervalo: 1-1

Golos: 1-0, Liedson (2 m); 1-1, Miccoli (23 m).

Disciplina:
Cartão amarelo a Caneira, Miccoli, Anderson e Pereirinha

 

27ª. Jornada – Derrota do Porto não aproveitada pelos rivais e Aves sai dos lugares de despromoção

Filed under: Futebol,Liga Bwin — looking4good @ 5:34 pm
– 27ª. Jornada
27 Abr 20:30 Paços de Ferreira 0-0 União de Leiria
28 Abr 18:00 Belenenses

2-0 Beira Mar
28 Abr 21:15 Boavista 2-1 Porto
29 Abr 16:00 Naval 1º. de Maio 0-1 Desportivo das Aves
29 Abr 16:00 Nacional 1-0 Estrela da Amadora
29 Abr 16:00 Vitória de Setúbal 1-1 Marítimo
29 Abr 20:00 Benfica 1-1 Sporting
30 Abr 19:45 Académica Braga

Comentário da Jornada:

O Porto consolidou as suas ambições de se sagrar campeão, mesmo perdendo no Bessa! Quem diria? Pois é verdade. Faltam só três jogos e o empate entre Benfica e Sporting dá até a possibilidade ao Porto de empatar um dos três jogos que lhe falta, sendo que dois são em casa.

Os destaques vão assim para o Boavista que derrotou o Porto e mais do que isso teve períodos de grande superioridade e para o Desportivo das Aves que largou os lugares da despromoção ao ir ganhar à Figueira da Foz.

O Nacional regressou às vitórias (já praticamente fora de horas) e o Belenenses derrotou o Beira-Mar reforçando a candidatura ao 4º. lugar final (em luta com o Braga que joga amanhã em Coimbra) e deixando os aveirenses agora no último lugar da tabela.

O empate entre Paços de Ferreira e a União de Leiria serve os propósitos dos pacenses que estão no limiar de uma participação europeia enquanto o empate do Setúbal com o Marítimo coloca os sadinos perto da segunda divisão, porque a equipa de Setúbal vai a Alvalade na próxima jornada e defronta ainda o Benfica.

CLASSIFICAÇÃO

Lugar Clube Pontos Golos
1. Porto 62 58-18
2. Sporting 59 45-14
3. Benfica 58 50-19
4. Belenenses 46 33-23
5. Braga (*) 40 30-28
6. Paços de Ferreira 40 29-33
7. União de Leiria 36 19-23
8. Nacional 35 37-35
9. Boavista 32 30-31
10. Marítimo 30 29-40
11. Naval 1º. de Maio 30 24-31
12. Estrela da Amadora 28 20-35
13. Académica (*) 25 28-41
14. Desportivo das Aves 22 20-34
15. Vitória de Setúbal 21 18-40
16. Beira-Mar 19 26-51
(*) Têm um jogo a menos defrontando-se amanhã em Coimbra: Académica-Braga.

Próxima Jornada – 28ª. Jornada
04 Mai 20:30 Beira-Mar Boavista
05 Mai 16:00 Marítimo

Académica
05 Mai 19:15 Porto Nacional
05 Mai 21:15 Benfica Naval 1º. de Maio
06 Mai 17:00 União de Leiria Desportivo das Aves
06 Mai 18:00 Sp. Braga Belenenses
06 Mai 20:15 Sporting Vitória de Setúbal
06 Mai 21:15 Benfica Naval 1º. de Maio

 

World Dance Day

Filed under: Uncategorized — looking4good @ 2:08 pm
photo: Dancing Tango (click on photo to enlarge)
The World Dance Day has been established in 1982 in view of attracting attention to the art of dance, every year on the 29th of April. On that day, dance companies, dance schools, organizations and individuals are asked to organize an activity addressing an audience larger than their usual one.
 

World Dance Day

Filed under: Uncategorized — looking4good @ 2:08 pm
photo: Dancing Tango (click on photo to enlarge)
The World Dance Day has been established in 1982 in view of attracting attention to the art of dance, every year on the 29th of April. On that day, dance companies, dance schools, organizations and individuals are asked to organize an activity addressing an audience larger than their usual one.