Nothingandall

Just another WordPress.com weblog

Tua frieza aumenta o meu desejo – Eugénio de Castro Agosto 17, 2005

Filed under: Eugénio de Castro,poesia — looking4good @ 1:45 pm

Tua frieza aumenta o meu desejo
Fecho os olhos para te esquecer
e, quanto mais procuro não te ver,
quanto mais fecho os olhos, mais te vejo.

Humildemente atrás de ti rastejo,
humildemente, sem te convencer,
enquanto sinto para mim crescer
dios teus desdéns o frígido cortejo.

Sei que jamais hei-de possuir-te. Sei
que outro, feliz, ditoso como um rei,
enlaçará teu virgem corpo em fllor.

O meu amor, no entanto, não se cansa:
amam metade os que amam com esp’rança,
amar sem esp’rança é o verdadeiro amor

Eugénio de Castro (Coimbra n. 4 Mar 1869; m. 17 Ago 1944)

 

2 Responses to “Tua frieza aumenta o meu desejo – Eugénio de Castro”

  1. Alex Sanro Says:

    Belo,só um pouco dramático !

  2. Alex Sanro Says:

    Belo,só um drama exagerado !


Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s